APÓS VISITA A PETROLEIRO, PAULO CÂMARA DESTACA A QUALIDADE DA PRODUÇÃO PERNAMBUCANA

O governador Paulo Câmara e o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Valter Casimiro, visitaram, nesta segunda-feira (23.04), as instalações do navio Castro Alves – primeiro petroleiro do tipo Aframax  construído no Brasil, com produção e montagem 100% pernambucanas. Fabricada no Estaleiro Atlântico Sul (EAS), no Complexo Industrial de Suape, a embarcação é uma das duas que serão lançadas na próxima sexta-feira (27.04), juntamente com a Skandi Recife, embarcação do tipo PLSV (Pipe Laying Support Vessel). Ambas foram financiadas pelo Fundo da Marinha Mercante (FMM), somando um total de R$ 1,25 bilhão de investimentos.

“Vim aqui, hoje, junto com o ministro para que ele conhecesse como funciona o Estaleiro Atlântico Sul. E, sem dúvida, ele sai daqui sensibilizado de que é muito importante e estratégico nós termos uma política de confiança nacional que possa garantir ao Estaleiro Atlântico Sul e outros aqui em Pernambuco que possam ter encomendas, porque eles vão dar conta do recado. É um setor estratégico, que toda nação tem que ter como prioridade. Sabemos da importância dessa indústria para Pernambuco e tudo que eles avançaram. Hoje, é um estaleiro de nível mundial, com uma produtividade altíssima. Fruto da aposta em Pernambuco e da qualificação da mão de obra pernambucana”, destacou o Governador.

Paulo aproveitou a visita ao estaleiro para ratificar o apoio do Governo com os avanços do setor naval em Pernambuco. “A gente tem certeza de que todo o esforço que foi feito para trazer essa indústria Naval aqui para Pernambuco está valendo a pena. Para se ter uma ideia, o primeiro navio do EAS durou 60 meses para ficar pronto. Esse, que nós visitamos hoje, durou apenas 18. Os próximos irão durar 14 meses. Ou seja, eles estão em um nível de excelência mundial. É uma indústria que se profissionalizou e agora vai precisar, realmente, do apoio de todos nós para continuar avançando. Hoje, o estaleiro é um patrimônio de Pernambuco e do Brasil em termos de qualidade, tecnologia, fazendo navios bem feitos, que podem ser vendidos para o mundo todo”, frisou.

Após visita à embarcação, Ministro Casimiro ponderou: “já temos algumas medidas que estão sendo encaminhadas para o Congresso. Medidas que vinham sendo trabalhadas com o setor, para que possamos fomentar a utilização dos nossos estaleiros, com a construção de embarcações viabilizando o aumentando do Fundo que garante esses financiamentos junto ao BNDES. E já me comprometi em conversar com o presidente do BNDES para que a gente possa liberar os financiamentos que já estão aprovados pelo FMM, mas que ainda precisam da liberação do banco”, declarou.

Cada uma das embarcações teve 90% dos seus custos financiados pelo FMM, sendo o restante pela Transpetro (Castro Alves) e outro, pela Dofcon (Skandi Recife), totalizando R$ 1,25 bilhão. O navio Castro Alves é a primeira embarcação tipo Aframax construída no Brasil, produzida pelo Estaleiro Atlântico Sul para a Transpetro, no valor de cerca de R$ 250 milhões. O petroleiro de grande porte é destinado ao transporte de petróleo bruto, com capacidade de carga de 158 mil toneladas, em 274 metros comprimento;  43,8 metros de boca e 15 metros de calado.

Já o PLSV é uma embarcação complexa e altamente especializada, dotada de equipamentos e sistemas sofisticados, que atua no lançamento de linhas rígidas e flexíveis, que conectam as plataformas a sistemas de produção de petróleo. O navio pertence à empresa Dofcon e foi construído pelo estaleiro Vard Promar, pelo valor de cerca de R$ 1 bilhão. O navio tem 139,9 metros de comprimento; 28 metros de boca (equivalente à largura) e 12 metros de calado.

 FMM – O Fundo é a principal fonte de financiamento do setor naval brasileiro. Entre 2007 e 2017 proporcionou a construção de 14 estaleiros e 680 embarcações, sendo 27 delas destinadas à navegação de cabotagem, como o Aframax, e 183 destinadas à navegação offshore, como o PLSV. Em Pernambuco, o FMM já financiou 2 estaleiros e 23 embarcações até hoje.

Share Button

GOVERNO DE PERNAMBUCO REFORÇA AGRICULTURA FAMILIAR DO ESTADO COM ENTREGA 15.550 KITS DO PROGRAMA PERNAMBUCO MAIS PRODUTIVO

O governador Paulo Câmara comandou, na manhã desta segunda-feira (23.04), a entrega de 15.550 kits de caráter produtivo — que visa estruturar a produção de alimentos e forragem animal — com o objetivo de otimizar o trabalho de agricultores familiares de 87 municípios do Agreste e Sertão do Estado. Na ação, os beneficiados receberam os conjuntos “Roçadeira” (uma roçadeira semi-florestal com 3 itens acessórios, de corte de arbustos, capineira e roço; uma bota e um óculos de proteção) ou “Forrageira” (uma forrageira com cabo de extensão elétrico de 10 metros). Com um investimento de R$ 22 milhões, a iniciativa fortalece as políticas públicas com foco na área. O caráter produtivo faz parte do Programa Segunda Água (Cisternas Calçadão) e é financiado com recursos da União, via Ministério de Desenvolvimento Social. Paulo destacou que a ação é fundamental para proporcionar mais condições de trabalho e produtividade para os homens e mulheres do campo.

 “Estamos entregando equipamentos que vão facilitar a produção de quem atua na agricultura familiar e que vão ajudar, também, no aumento do rendimento e da produtividade. Produzir mais, vender mais e com isso expandir a produção de alimentos, de grãos e rações para alimentação, seja da avicultura ou da área bovina. O trabalho envolve o Estado, os municípios, a sociedade civil, os agricultores, mas, principalmente, a nossa capacidade de tirar do papel ações tão importantes. Assim, damos a garantia ao homem do campo de que ele poderá trabalhar, viver, criar seus filhos, produzir e ter sua renda a partir de seu esforço e do seu trabalho na sua terra”, frisou o governador.

Os agricultores beneficiados com a ação de hoje já receberam, através do Pernambuco Mais Produtivo, a tecnologia social da Cisterna Calçadão. Os equipamentos, que possuem 52 mil litros, ampliam o acesso a água, através da captação das chuvas, e viabilizam a criação de pequenos animais e a implantação de hortas orgânicas. A entrega dos kits complementou a estruturação necessária para aumentar a produtividade do setor.

Representando os prefeitos dos municípios beneficiados, Anchieta Patriota (Carnaíba) destacou o empenho do atual governo no fortalecimento de ações estruturadoras para a agricultura. “Essas são ações que mudam a vida das pessoas, principalmente daquelas que mais necessitam do governo. A gestão Paulo Câmara já fez muito pelo homem do campo. Desde a oferta de água para a população a outras ações estruturadoras. Sempre com a preocupação de gerar, também, receita e renda para o nosso povo”, exaltou o gestor da região do Sertão do Pajeú.

O secretário de Agricultura e Reforma Agrária (SARA), Wellington Batista, aproveitou a oportunidade para destacar o poder econômico que o investimento na agricultura familiar é capaz de propiciar. “Quando andamos pela Zona Rural, percebemos como foi importante esse programa de cisternas para o homem e a mulher do campo enfrentarem o período de estiagem. Queria agradecer ao empenho do governador Paulo Câmara na contribuição para o fortalecimento da agricultura familiar, não só do ponto de vista social, mas do ponto de vista econômico para todo o Estado de Pernambuco”, finalizou.

Falando em nome dos agricultores beneficiados, Aluísio Paulino, natural de Carnaíba, explicou o ganho na produção rural que os equipamentos irão fornecer. “Isso aqui vai servir para os agricultores fazerem a ração para os animais, do boi e da galinha. Servirá também para ralar o milho, fazer o fubá e outros alimentos. Já a roçadeira vai servir para roçar o capim, ou então servir para outras atividades na Caatinga. É muito importante estar recebendo um maquinário desses na Zona Rural”, comemorou.

AGRICULTURA FAMILIAR – No Brasil são aproximadamente 4,3 milhões de estabelecimentos rurais da agricultura familiar, que correspondem a 84% do total. O setor é responsável por 33% do valor bruto da produção agropecuária do País e pela produção de 70% dos alimentos consumidos pelos brasileiros. Em Pernambuco, são 275.720 estabelecimentos familiares responsáveis pela produção de mandioca, feijão, milho, fruticultura e hortifrúti.

Acompanharam o governador durante a solenidade o reverendíssimo Dom Bernadino Marchió, bispo diocesano de Caruaru; os secretários estaduais Márcio Stefanni (Planejamento e Gestão); Manuela Marinho (Turismo, Esportes em Lazer); e o chefe de Gabinete do Governador, Antônio Limeira; o secretário executivo de Agricultura Familiar, José Cláudio; o presidente do CEASA, Gustavo Melo; o presidente do Iterpe, André Luz Negromonte; o deputado federal Danilo Cabral; os deputados estaduais Waldemar Borges, Aluísio Lessa, Zé Maurício Cavalcanti, Laura Gomes, Nilton Mota e Diogo Morais; e prefeitos de vários municípios beneficiados na ação.

 

Share Button

VEREADORES DE SANTA CRUZ DECLARAM APOIO A ROBERTA ARRAES

A cada dia que passa a deputada estadual Roberta Arraes (PP) pavimenta a sua reeleição, contabilizando apoios espontâneos em todo o estado, notadamente na região do Araripe, sua principal base eleitoral. Isso fruto de um trabalho sério, articulado e de dedicação e busca por ações que trazem melhorias para a população.

Na manhã deste sábado (21), a deputada Roberta Arraes recebeu o apoio de três vereadores da cidade de Santa Cruz, no Sertão do Araripe: José Ion, Dr. Carlos e Naldo Amaral. Esses parlamentares têm uma grande história de luta na cidade de Santa Cruz, onde atuam sempre em benefício do povo. São parlamentares com trabalho reconhecido no município.

Os vereadores destacaram que estavam apoiando o projeto de reeleição da deputada, por entender que a mesma desenvolve um grande trabalho em benefício da região e da população. E para tanto, segundo eles, é uma grande oportunidade para Santa Cruz promover uma parceria com a deputada que tem como slogan principal a força do trabalho.

Roberta Arraes destacou a sua alegria em poder ampliar a sua base política e eleitoral. Ela externou o sentimento de alegria em poder receber o apoio dos vereadores, que têm um reconhecido e destacado trabalho em Santa Cruz.

“Ficamos felizes em receber esses importantes apoios, numa demonstração de que estamos trabalhando certos e colocando sempre o nosso mandato á disposição do povo. Vamos unir nossa força e trabalhar por ações e benfeitorias para Santa Cruz”, afirmou Roberta Arraes.

Share Button

DIVULGADAS AS ATRAÇÕES DO SÃO JOÃO DE PETROLINA; CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Por G1 Petrolina

As atrações do São João 2018 de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, foram anunciadas na noite da última quinta-feira (19) durante um evento no Parque Josepha Coelho. Segundo a prefeitura, o circuito começa no dia ‪18 de maio com o São João dos Bairros e será encerrado em ‪25 de junho, na Missa do Vaqueiro.

Principal polo da festa, o Pátio de Eventos Ana das Carrancas terá shows entre os dias 15 e 23 de junho. O São João dos bairros acontecerá em quatro localidades: José e Maria, Avenida dos Tropeiros, Areia Branca e Rio Corrente. Cada bairro receberá duas noites de festa, por final de semana, até o dia ‪9 de junho.

O circuito junino ainda contará com concursos de quadrilhas e de sanfoneiros; festival de violeiros; a tradicional corrida de jegues (Jecana) e será encerrado no dia ‪25 de junho com a Missa do Vaqueiro, às margens do Rio São Francisco.

Confira a programação completa

Pátio Ana das Carrancas (15 a ‪23 de junho)

Dia 15: Raimundinho do Acordeon, Gustavo Mioto, Ávine Vinny, Mano Walter e Aviões do Forró

Dia 16: Césio Tenório, Targino Gondim, Magníficos, Tayrone e Zezé de Carmargo & Luciano

Dia 17: Fabiana Santiago, Cleber e Cauan, Léo Magalhães, Marcia Fellipe e Gabriel Diniz

Dia 18: Edênio Lima, Joelma, César Menotti & Fabiano, Bell Marques e Solange

Dia 19: Pega Leve, Jonas Esticado, Devinho Novaes, Gusttavo Lima e Maiara & Maraisa

Dia 20: Guerber Pereira, Andréa Vitória, Israel Novaes, Simone e Simaria e Jorge & Mateus

Dia 21: Super Banda, Trio Granah, Geraldinho Lins, Dorgival Dantas e Wesley Safadão.

Dia 22: Ytalo e Maciel, Wallas Arrais, Saia Rodada, Marília Mendonça e Henrique e Juliano

Dia 23: Jonathan Araujo, Desejo de Menina, Flávio Leandro, Matheus & Kauan e Luan Santana

São João dos Bairros (‪18 de maio a 9 de junho)

Bairro José e Maria

Dia 18: Mauro Lima, Gean Mota e Matruz com Leite

Dia 19: Adãozinho de Rajada, Dalmo Natan e Iohannes

Avenida dos Tropeiros

Dia 25: Antony Sandey, Cavalo de Fogo e Wallas Arrais

Dia 26: Henrique Nunes, Sem Radar e Felipão

Areia Branca

Dia 1º: Anny Barbi, Ana Costa e Pedrinho Pegação

Dia 2: Taline Clara e Ranieri e Banda e Arreio de Ouro

Rio Corrente

Dia 8: André Mendes, Guilherme Dantas e Samuel Menino de Rua

Dia 9: Adenys Vaqueiro, Ricardinho & Glaucia – Banda New Bis, e Lenno

Demais eventos culturais

2 e ‪3 de junho: Corrida de Jegues (Jecana do Capim)

7 a ‪10 de junho: Vaquejada

‪9 de junho: Concurso de Quadrilhas

10 de junho: Corrida dos Namorados e Concurso das Carroças Ornamentadas

12 de junho: Concurso de Sanfoneiros

13 de junho: Festa de Santo Antônio (na Ilha do Massangano)

13 de junho: Concurso de Violeiros

19 a ‪22 de junho: Concurso de Ruas Ornamentadas

‪23 de junho: Forró da Espora

25 de junho: Missa do Vaqueiro

Share Button

DEPUTADOS E SENADORES DO PT PEDEM REEMBOLSO DOS GASTOS COM BAJULAÇÃO A LULA

Como aconteceu no dia da denúncia do Ministério Público Federal (MPF) e no velório de Marisa Letícia, o contribuinte vai pagar todas as despesas com a bajulação a Lula na manifestação antes da prisão e nas visitas ao ex-presidente em Curitiba, feitas por parlamentares do PT.

Reportagem do jornal Estado de S. Paulo mostra que deputados e senadores pediram reembolso de passagens de avião, pedágios, corridas de táxi e Uber, além de alimentação desde o dia 5 (quando a ordem de prisão foi expedida) em São Paulo, na região do ABC e em Curitiba. Os valores podem aumentar, porque as bancadas têm 90 dias para enviar às respectivas casas legislativas documentos comprobatórios para pedir reembolso de despesas.

Há pagamentos de pedágio, abastecimento de veículos, táxi e Uber, passagens aéreas compradas às vésperas do voo, pão de queijo, refeições e lanches.

Entre 5 e 7 de abril, o senador Humberto Costa (PE) voou de Brasília para São Paulo e depois para o Recife. Os bilhetes custaram ao Senado R$ 1.463,78. Costa disse, via assessoria, que viajou a São Paulo “no exercício das suas atividades parlamentares” e “atendeu a uma convocação de reunião do comando do PT”, e usou a cota parlamentar para retornar a Pernambuco, seu Estado de origem.

A deputada Maria do Rosário (RS), que gastou R$ 135,36 em corridas de Uber entre São Paulo e São Bernardo nos dias 6 e 7, disse que “as ações e agendas exercidas pelo mandato estão voltadas ao exercício das atribuições políticas parlamentares, cumprindo rigorosamente princípios éticos e regimentais quanto ao uso de recursos da cota estipulada pela Câmara”.

O deputado Sibá Machado (AC) comprou uma passagem aérea no dia 7 por R$ 580,06 de São Paulo para Brasília. Na véspera, tomou um táxi do Aeroporto de Guarulhos até o sindicato no ABC por R$ 228,42. Seu colega de Casa Nelson Pellegrino (BA) comprou passagem de Salvador para São Paulo no dia 6 (R$ 348, 78) e gastou R$ 54,90 numa cafeteria do aeroporto. Machado e Pellegrino não responderam à reportagem até a conclusão desta edição.

No dia 9, o deputado Paulo Teixeira (SP) gastou R$ 165,28 em táxis em Curitiba e São José dos Pinhais, onde fica o aeroporto Afonso Pena, e abasteceu o carro (R$ 140) em São Bernardo no dia 5. Sua assessoria disse que ele participou, no dia 5, de reunião da Executiva Nacional do PT e da bancada em São Bernardo e, no dia 9, esteve em Curitiba para reunião da Comissão Executiva Nacional do PT.

O deputado Vicente Cândido (SP) abasteceu o carro em São Bernardo por R$ 202,17 no dia 7 e, na véspera, pagou R$ 57 por um almoço na cidade. A assessoria confirmou que ele visitou Lula, entre outras atividades.

O gabinete do ex-presidente da Câmara Marco Maia (RS) gastou com combustível R$ 290,02 em São Paulo e R$ 68,40 com pedágios nos dias 6 e 7. Ele disse que foi à vigília convocada pelo PT no sindicato e enviou assessores de carro de Brasília para São Paulo – por isso o pagamento de pedágio e combustível.

Bagunça generalizada

Câmara e Senado não fiscalizam a aplicação da cota mensal dos parlamentares – cujos valores variam conforme o Estado de origem. Os comprovantes de despesas são verificados apenas na conformidade dos tipos de gastos previstos. Os deputados e senadores são responsáveis pela veracidade e por garantir que a aplicação seja ligada ao mandato, em compromissos políticos, funcionais ou de representação parlamentar. É proibido o uso da verba para fins eleitorais.

Para o economista Gil Castello Branco, da ONG Contas Abertas, é discutível enquadrar como atividade parlamentar despesas com atos em defesa de Lula ou visitas ao petista na cadeia. “A verba é pública e tem que ser usada no exercício da atividade parlamentar”, disse. “As notas podem ser legítimas, o problema é a finalidade. Até que ponto os parlamentares estão dentro do exercício da atividade parlamentar quando estão indo visitar um condenado, cujo processo legal foi cumprido?” (Com AE)

Share Button

LABORATÓRIO TESTA VACINA COM RESULTADO DURADOURO CONTRA O CÂNCER

Pesquisadores do Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), do Centro Nacional de Pesquisa em Energia de Materiais (CNPEM), em Campinas (SP), desenvolveram uma combinação de vacinas contra o câncer com resultados duradouros quando testada em camundongos.

A vacina tem por objetivo estimular o sistema imunológico contra células tumorais que antes passavam despercebidas. Uma vez detectadas, o próprio corpo passa a combatê-las. Esse tipo de estratégia já é conhecida e descrita na literatura médica. O que os pesquisadores brasileiros fizeram foi combinar diversas vacinas e observaram resultados promissores.

“Nós combinamos vacinas diferentes que fizemos no nosso laboratório, de modo a verificar a sinergia entre elas. Observamos que algumas combinações, além de muito efetivas para eliminar completamente o câncer, também conseguiram prevenir, evitar que os animais testados desenvolvessem um novo câncer”, disse o coordenador da pesquisa, Marcio Chaim Bajgelman.

Recidiva

De acordo com Márcio Chaim, os camundongos que receberam a vacina conseguiram combater as células cancerígenas iniciais, mantiveram uma “memória” sobre elas e as eliminaram quando infectadas pela segunda vez.

“Administramos novamente células de câncer e verificamos que houve uma proteção duradoura. Essas células não conseguiram se desenvolver e os animais eliminaram a primeira e a segunda levas de células tumorais, destacou.

Segundo o pesquisador, os pacientes com câncer, em muitos casos, apresentam recidiva – a volta da doença após o tratamento inicial. Muitas vezes o câncer volta mais forte e o medicamento usado inicialmente não surte efeito.“No nosso caso, verificamos a possibilidade de induzir uma resposta duradora que poderia prevenir essa recidiva”, afirmou.

Vacina

Conforme Márcio Chaim, os ensaios do grupo de pesquisadores brasileiros estão sendo redimensionados para células humanas. O processo, até a aplicação em pacientes, poderá demorar até oito anos. Atualmente, o laboratório faz parcerias com outras instituições, a fim de receber tumores e sangue humano.

“Vamos iniciar ensaios de cultura células com esse material para verificar o benefício da vacina. Uma vez que tenhamos resultados interessantes in vitro, vamos partir para um modelo in vivo”, destacou o pesquisador.

A criação de vacina contra o câncer é um objetivo buscado por diversos pesquisadores. Elas foram inicialmente desenvolvidas pelo norte-americano William Coley (1862-1936), que fez experimentos no início dos anos 2000.

Atualmente, o modelo mais bem sucedido é a vacina GVAX, testada em camundongos com células de melanoma injetadas na cauda. Normalmente, o tumor se desenvolve no pulmão e causa a morte do animal em aproximadamente 28 dias. O quadro é revertido com a aplicação da GVAX, que aumenta a expectativa de vida do animal. Apesar dos bons resultados em roedores, ainda não foi observado o mesmo desempenho da GVAX nos ensaios com humanos.

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) é uma organização social (OS) qualificada por decreto pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). São quatro laboratórios referências mundiais e abertos à comunidade científica: o Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), o Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia de Bioetanol (CTBE) e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano). (ABr)

Share Button

GOVERNO DE PERNAMBUCO FAZ BALANÇO DA INTERVENÇÃO EM BODOCÓ

Secretaria Executiva de Defesa Civil do Estado / Foto: reprodução

Leiam a nota:

Após uma semana das fortes chuvas em Bodocó, no Sertão do Araripe, o Governo de Pernambuco faz um balanço das intervenções no município. No início da operação, a Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe) chegou a registrar 176 famílias desabrigadas e 55 desalojadas. Nesta sexta-feira (20), já não há mais registros de desabrigados e desalojados. A Codecipe também constatou que o abastecimento de água e a eletrificação estavam normalizados desde o domingo (15).

O Departamento de Estradas e Rodagens (DER) abriu um acesso a Ouricuri, por meio de uma via pela zona rural, permitindo que o encaminhamento dos pacientes de Bodocó, Granito, Moreilândia e Exu ao Hospital Regional de Ouricuri fosse restabelecido. No início da semana, o Hospital Santa Maria, localizado em Araripina, atuou como suporte às gestantes encaminhadas de Bodocó. E os casos de urgência e emergência dos moradores de Bodocó, Exu, Granito e Moreilândia foram atendidos pelo Hospital Regional de Salgueiro.

Durante a semana, as equipes da Secretaria de Saúde de Pernambuco, por meio da Vigilâncias Ambiental, Epidemiológica e Sanitária, da IX Gerência Regional de Saúde (Geres), em parceira com o município, visitaram os abrigos montados na cidade para dar orientações sobre a limpeza das casas, manipulação de alimentos nas áreas afetadas pelas chuvas, descarte de objetos, além de terem realizado avaliação das manifestações clínicas entre os desabrigados, orientando sobre os sinais e sintomas de doenças e agravos. Foram vacinados 219 pessoas contra hepatites, difteria e tétano e realizados 200 testes para hepatites; e foram distribuídos 1,4 mil unidades de hipoclorito de Sódio, utilizado para purificar a água para consumo. Também foram encaminhadas doses de insulina, a pedido do município.

As aulas na Escola de Referência em Ensino Médio Artur Barros Cavalcanti, no centro da cidade, retornaram na teça-feira (17). A Escola Estadual João Carlos Lócio de Almeida, também no centro, está passando por um processo de limpeza durante esta semana e voltará às atividades na próxima segunda-feira (23). Já na Escola Estadual Luiz Gomes de Lins, localizada na zona rural, distrito de Sipaúba, as aulas serão retomadas assim que o acesso viário for restabelecido, permitindo que os professores consigam chegar ao distrito. O DER fez uma avaliação preliminar desse acesso e o tráfego poderá ser liberado na próxima semana. Um calendário de reposição das atividades escolares já está sendo organizado.

Quanto a ponte sobre o Rio Pequí, a equipe técnica do DER e de engenharia da Codecipe avaliaram que o equipamento, com 40 metros de extensão, possui uma rachadura na laje do vão central, o que compromete totalmente a sua estrutura. Não há previsão para liberação do tráfego no local nem para circulação de pedestres. No entanto, a Codecipe enviou um ofício à Secretaria de Defesa Civil Nacional solicitando apoio do Exército na colocação de uma ponte móvel provisória.

Até a normalização desta área, a rota alternativa mais curta e viável para receber o fluxo de veículos é utilizar a rodovia PE-560, estrada de terra que liga Bodocó até o distrito de Estaca, chegando à rodovia BR-316, trecho com extensão de 20 km. Anteriormente, liberada apenas para veículos pesados, a via já está sendo utilizada por veículos de pequeno porte. O DER está executando serviços de drenagem neste trecho com o objetivo de evitar que haja acúmulo de água em decorrência das chuvas e, consequentemente, o bloqueio da via. Essa rota aumenta em 23 km o percurso para quem segue de Bodocó para Ouricuri.

Share Button

NO SEMINÁRIO DO LIDE, PAULO CÂMARA DESTACA NECESSIDADE DE UM PLANEJAMENTO A LONGO PRAZO PARA O BRASIL

O governador Paulo Câmara participou, nesta sexta-feira (20.04), do Seminário LIDE, principal momento de discussão do 17º Fórum Empresarial, promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais. Considerado como o maior evento corporativo do Brasil, a iniciativa aporta em Pernambuco pela primeira vez em nosso Estado, reunindo cerca de 300 empresários relevantes do País, além de diversas autoridades políticas nacionais. Com o tema Democracia e Competitividade, o evento objetiva promover debates sobre democracia, economia, gestão empresarial, política e responsabilidade social. A programação do Fórum segue até amanhã (21.04), no Sheraton Reserva do Paiva Hotel, no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife.

“É um evento muito importante. Quero parabenizar todos que fazem o LIDE por essa oportunidade de trazer um debate tão qualificado para Pernambuco, com pessoas de todo o País, que vieram discutir o futuro. O Brasil precisa de muita discussão e reflexão. É preciso discutir o futuro, criticar, ouvir sugestões, e o LIDE faz esse papel, com debates de alto nível, qualificados, chamando importantes setores da sociedade que geram emprego e renda. Tudo isso em um ano importante, de eleição, em que as pessoas precisam realmente discutir e definir estratégias para o futuro. O Brasil precisa de estratégias que não sejam apenas de curto prazo, mas de médio e longo prazo. Então, o LIDE cumpre seu papel de promover essas discussões importantes e fundamentais”, ressaltou o governador, que esteve acompanhado do prefeito do Recife, Geraldo Julio.

Dentro da agenda relacionada à economia, gestão empresarial, política e responsabilidade social, o seminário abordou três painéis: A era reformista; Competitividade e emprego; e Fortalecimento das instituições. Os debates têm como objetivo melhorar as questões primordiais para o Brasil, através da troca de experiências exitosas entre as diversas lideranças presentes, de todas as áreas, atuando como uma importante oportunidade de interação, ponto de discussões e de busca de alternativas de construção para o futuro do País.

LIDE – O Grupo de Líderes Empresariais é uma organização de caráter privado que tem como objetivo promover e incentivar as relações empresariais. Fundado em 2003, congrega 1.700 empresas em diversos países. Promove debates para o fortalecimento da livre iniciativa, do desenvolvimento econômico e social, assim como a defesa dos princípios éticos de governança corporativa nos setores privado e público. Atualmente, o Grupo conta com unidades regionais, internacionais e setoriais, totalizando 26 frentes de atuação.

Share Button

4ª CORRIDA SESI DIA DO TRABALHADOR ESTÁ COM INSCRIÇÃO ABERTA

Serão distribuídos R$ 14 mil em prêmios. As inscrições são pela internet

 

Primeiro de maio está chegando e para celebrar a data, o Serviço Social da Indústria de Pernambuco (Sesi/PE) vai realizar a sua tradicional corrida pelas ruas do Recife. A 4ª Corrida Sesi Dia do Trabalhador terá largada, às 7h, no Cais da Alfândega e vai distribuir R$ 14 mil em prêmios com o patrocínio da Caixa Econômica Federal e Tramontina. A inscrição em uma das mil vagas disponíveis deve ser feita no site www.pe.sesi.org.br até o dia 25 de abril.

Os inscritos vão concorrer em duas categorias: Corrida geral e Trabalhador da Indústria de Pernambuco, masculina e feminina, nos percursos de 10km e 5,8 km, e de caminhada também de 5,8 km para quem deseja se exercitar de uma forma mais amena. Entre os industriários, a disputa será acirrada, pois cerca de 60% dos corredores se inscreveram nesta classe, no ano passado. “A adesão foi muito boa. Acreditamos que ao destinarmos uma categoria específica para a indústria do Estado, motivou ainda mais a participação do grupo”, afirma o analista de Qualidade de Vida do Sesi/PE, Fernando Medeiros.

Para participar, os industriários e trabalhadores do Sistema Fiepe (Federação, Sesi, Senai, IEL e Ciepe) pagam valor diferenciado de R$ 20,00, enquanto outras pessoas pagam o R$ 50,00. Já os idosos têm 50% de desconto. “Um evento como este é uma oportunidade ímpar para incentivar as pessoas a abandonar o sedentarismo e dar o primeiro passo para garantir uma vida mais saudável”, afirma o superintendente do SESI/PE, Nilo Simões, lembrando ainda que “trabalhadores que praticam alguma atividade física regularmente são mais produtivos e adoecem menos”.

Share Button

AEDA SEDIA III SEMINÁRIO DE ARQUEOLOGIA E PRESERVAÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL NA CHAPADA DO ARARIPE

A cidade de Araripina sediará nos dias 26 e 27 de abril o III Seminário de Arqueologia e Preservação do Patrimônio Cultural na Chapada do Araripe, realizado pela UFPE, UFPI, UNIVASF e AEDA. Durante os dois dias haverá palestras e oficinas no auditório Charles Luciano, no Campus II da AEDA/Faciagra.

O seminário tem por objetivo apresentar os resultados das ações extensionistas desenvolvidas pelas universidades além de divulgar e integrar a sociedade e os acadêmicos de forma que possam contribuir para o estimulo e orientação para a preservação do patrimônio histórico, cultural e natural.

A palestra de abertura do evento será às 19h do dia 26/04 com o Dr Grégoire Van Havre da Universidade Federal do Piauí que falará sobre “O acervo arqueológico da Chapada do Araripe”. Em seguida, a palestra será sobre “As pesquisas arqueológicas na Chapada do Araripe”, pela Dra. Cláudia Alves de Oliveira (PParq/UFPE) e, por fim, “Paleoetnobotânica: o diálogo entre plantas e grupos humanos através do tempo” com Dra. Aline Freitas (PParq/UFPI). A programação continua na sexta-feira, 27, com mais duas oficinas durante a tarde e quatro palestras a noite.

O seminário é voltado para os alunos da Aeda e as inscrições podem ser feitas nas secretarias da Faciagra e Fafopa. Os participantes terão direito a certificado digital com carga de 16h.

Ascom

Share Button

ROBERTA ARRAES RECEBE APOIO DE JURANDIR SEVERO EM EXU

Mais uma grande liderança política fechou apoio e parceria com a deputada Roberta Arraes, na tarde desta quinta-feira (19).

Dessa vez foi Jurandir Severo, que foi candidato a prefeito do município de Exu nas últimas eleições e é uma liderança política reconhecida na cidade pelos relevantes serviços prestados. Jurandir foi vereador em Exu, chegando a ser presidente da Câmara Municipal. Mesmo sem mandato eletivo, ele continua fazendo um importante trabalho em prol da cidade.

A parlamentar recebeu Jurandir em Araripina, onde firmaram um compromisso de juntos trabalharem e levarem ações e benfeitorias para Exu.

“Exu é uma cidade que tenho um apreço imenso, vamos agora somar esforços e trabalho, para levar o melhor aos exuenses”, finalizou Roberta Arraes.

Share Button

TADEU ALENCAR: “CANDIDATURA DE BARBOSA NÃO É FATOR DE DIVISÃO ENTRE AS FORÇAS PROGRESSISTAS”

O deputado federal Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara a partir de junho, afirmou que a eventual candidatura do ex-ministro do STF Joaquim Barbosa pelo partido vem para somar às forças progressistas nas eleições presidenciais, e não pode ser considerado um fator de divisão do bloco.

“Não me parece ter nenhuma contradição insuperável o fato do PSB, eventualmente, ter uma candidatura que tenha história, espírito republicano e trabalho na vida pública em defesa da ética, algo que a sociedade valoriza. Vai somar a todos os candidatos progressistas que estão na disputa eleitoral contra as forças do liberalismo selvagem, traduzido no governo de Michel Temer e seus aliados”, disse o parlamentar nesta terça-feira (19), em entrevista à Rádio CBN.

Para Tadeu, a filiação de Barbosa mostrou que ele tem identidade com os valores do partido, e o projeto presidencial vem ganhando apoio junto à bancada socialista. A declaração acontece no momento em que PSB e PT avaliam uma aliança no plano estadual. Segundo o deputado, não há impossibilidade dessa aliança vir a se concretizar, mesmo com o PSB optando por uma candidatura de Barbosa e o PT tendo outro presidenciável.

“Devemos ter uma aliança, uma cumplicidade, entre os partidos de centro-esquerda, e lá na frente a gente poder ter, dado o ambiente de diálogo, um candidato desse campo, que pode ser do PT, do PDT, com Ciro Gomes, pode ser Marina (Silva/Rede) e que pode ser o ministro Joaquim Barbosa também. A gente não pode ter essa pretensão hegemônica que apenas um partido pode nos representar contra essa onda conservadora que vem ganhando muitos espaços”, afirmou.

Para ele, Barbosa é um nome que pode dar continuidade ao debate e ao projeto nacional de governo apresentado pelo partido na campanha de 2014.  “As razões que nos fizeram apresentar um projeto nacional de governo em 2014 não só permaneceram como aumentaram. Seria muito ruim se o PSB deixasse de ter uma candidatura nacional e engavetasse esse projeto que discute um futuro melhor para o país”, afirmou Tadeu, que vê no ex-ministro um nome capaz de dar continuidade ao projeto pensado por Eduardo Campos.

O parlamentar analisa que, embora a decisão ainda não tenha sido tomada, a pré-candidatura de Barbosa conta com o apoio de largos extratos do seu partido. “Como o PSB teve o prestígio de recebê-lo, a filiação fez parte desse processo de decisão. Com uma semana no partido, ele despontou de modo surpreendente nas pesquisas”, lembra Tadeu, referindo-se à última pesquisa da Datafolha, onde Barbosa marcou 9% de intenções de votos.

Foto: Chico Ferreira/Divulgação

Share Button

INSTITUTO DE OLHOS DO RECIFE COMEMORA 50 ANOS DE FUNDAÇÃO

O Instituto de Olhos do Recife comemora 50 anos de fundação, neste mês, lançando a campanha “50 anos cuidando do olhar do pernambucano”. Assinada pela Cordel Comunicação, a ação argumenta que, ao cuidar da visão do paciente, o IOR cuida também da forma como ele vê o mundo e a vida. As peças valorizam ainda a relação de confiança com o paciente, fruto da visão humanista dos sócios fundadores: Roberto Galvão, Durval Valença, Alzira Lins e Afonso Medeiros (in memoriam), desenvolvida ao longo de meio século de atendimento em oftalmologia.

Sinônimo de excelência no atendimento e proximidade com o paciente, o IOR reafirma o compromisso de cuidar de cada olhar como ele realmente é: único. “Para nós, cuidar da visão dos pacientes é cuidar da maneira que eles veem a vida. Essa é a mensagem transmitida em anúncios em jornais, revistas e portais de notícias, além de mídias indoor e outdoor. Para marcar a data e interagirmos melhor com os pacientes, também estamos lançando um novo site e implementando mudanças na nossa comunicação”, explica o diretor executivo do instituto, Afonso Medeiros.

Desde 1968, o IOR promove avanços para a oftalmologia no Estado, unindo técnicas inovadoras com um corpo médico altamente qualificado. “Nos últimos cinco anos investimos em torno de R$ 3 milhões na modernização da nossa estrutura física e em equipamentos de ponta, com o intuito de servir melhor nossos pacientes”, comenta Medeiros.

Referência nacional em oftalmologia, o IOR conta com duas unidades, sendo a sede no bairro do Espinheiro e a filial em Boa Viagem. Com 230 funcionários e uma equipe médica composta por mais de 40 renomados oftalmologistas, o instituto atende nas mais diversas especialidades oftalmológicas. Além de consultas, o instituto oferece mais de 50 exames e procedimentos, além de cirurgias ambulatoriais e com internação hospitalar. Outro serviço é a urgência 24 horas, que funciona em sistema de plantão, de domingo a domingo.

EDUCAÇÃO – O IOR também se destaca pela responsabilidade social e seu compromisso com a educação. Como forma de manter sua equipe atualizada e transmitir conhecimento e experiência aos novos médicos, a entidade conta com uma residência médica em oftalmologia, desde 2001, e curso de Fellowship, desde 2008, na Fundação Ação Visual, seu braço filantrópico. Os cursos são credenciados pelo Ministério da Educação e pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), respectivamente. Anualmente, são formados especialistas em catarata, estrabismo, glaucoma, lentes de contato e retina e vítreo.

Fundada há 14 anos, a Fundação Ação Visual presta atendimento oftalmológico pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os pacientes são atendidos pelos residentes médicos, sob a preceptoria de oftalmologistas do staff do IOR. As consultas são realizadas nas instalações da fundação e, quando necessário, no IOR, que disponibiliza toda sua infraestrutura e equipamentos de ponta para exames e cirurgias.

O IOR também conta com um Departamento de Pesquisa Clínica, ligado ao Comitê de Ética em Pesquisa Médica do Hospital Agamenon Magalhães, responsável por julgar os estudos. O departamento é o único no Nordeste aprovado pela Anvisa e pela organização norte-americana Food and Drug Administration (FDA) para realizar pesquisas em oftalmologia. Até o momento, foram realizados estudos sobre glaucoma, mas o instituto está apto a desenvolver investigações em outras áreas oftalmológicas.

Share Button

SEGUNDO WORKSHOP DA OAB-PE SOBRE SEGURANÇA PÚBLICA REUNIU ESPECIALISTAS E CONSULTORES NACIONAIS NESTA QUINTA-FEIRA (19)

Tendo em vista a organização do Fórum Estadual de Segurança Pública, em maio, a OAB Pernambuco realizou nesta quinta-feira (19), em sua sede, no Recife, o segundo de três workshops com um grupo nacional de especialistas e consultores. No foco da mobilização está o Pacto Pela Vida, política pública de segurança implementada há 11 anos pelo governo de Pernambuco.

O presidente da OAB-PE, Ronnie Preuss Duarte, abriu o encontro e apresentou o mediador das discussões, o consultor Carlos Hunka. Em seguida, ele passou a palavra para o coordenador dos workshops e do Fórum, o professor Leandro Piquet, coordenador do Programa de Pesquisa em Segurança e Criminalidade do Núcleo de Pesquisas em Políticas Públicas (NUPPs) da Universidade de São Paulo (USP). A instituição acadêmica é parceira da Ordem na realização dos eventos.

Como convidados nacionais dos grupos de trabalho preparatórios e do Fórum propriamente dito estavam presentes Flávio Sapori, professor da PUC Minas Gerais e criador do programa Fica Vivo; a pesquisadora Tânia Pinc, doutora em Ciência Política pela USP e major da reserva da Polícia Militar de São Paulo (PMSP); José Vicente da Silva Filho, ex-secretário nacional de Segurança Pública e coronel da reserva da PMSP; Fábio Ramazzini Bechara, doutor em Direito Processual Penal pela USP e promotor de justiça de São Paulo; e Melina Ingrid Risso, pesquisadora e doutora em Administração Pública e Governo pela Fundação Getúlio Vargas.

Os demais participantes foram os integrantes da Comissão Especial de Segurança Pública (Cesp) da OAB-PE: o presidente João Olímpio Mendonça e os membros Isaac Luna, Sócrates Chaves e Thales Cabral. No último trimestre do ano passado, o comitê temático entregou ao governo de Pernambuco um diagnóstico sobre a atual política de segurança pública no estado.

Também compuseram o grupo o juiz do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e vice-presidente da Associação dos Magistrados de Pernambuco (Amepe) Gleydson Lima; o coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça Criminal do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), promotor de justiça Luís Sávio Loureiro; o secretário executivo da Secretaria Estadual de Defesa Social Humberto Freire; e o delegado de Polícia Civil Renato Rocha.

O workshop contou ainda com a participação do secretário de Segurança Urbana da Prefeitura do Recife Murilo Cavalcanti; do secretário executivo de Segurança Urbana do Recife, Eduardo Machado; da doutora em Sociologia e Filosofia do Direito pela Università degli Studi di Milano (Itália) Marcela Varejão; e do observador Tales Ferreira, do Fórum Popular de Segurança Pública e Movimento Pernambuco pede Paz.

Mais – A proposta da OAB Pernambuco e da USP é que, ao fim das três reuniões dos grupos de trabalho, seja elaborado um diagnóstico acompanhado da indicação de medidas que possam ser efetivamente adotadas pelo governo do estado para reduzir os índices de criminalidade em Pernambuco. “Nossa opção, que tornou a demanda mais desafiadora, é que as iniciativas indicadas sejam efetivas e não necessitem de aportes que comprometam a capacidade orçamentária do Poder Executivo estadual. É preciso sempre trabalhar com a realidade financeira disponível”, disse Ronnie Duarte.

Share Button

ESCOLA TÉCNICA SENAI ARARIPINA ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

A Unidade do Senai de Araripina está com inscrições abertas para o curso  Técnico em Segurança do Trabalho – uma das profissões que mais cresce no Brasil  e que tem atuação em diversos segmentos da economia nacional.

O curso com duração de um ano e meio, ofertado pelo Senai que, este ano, completa 75 anos de existência, tem uma matriz curricular moderna e ajustada às atuais exigências para a formação dos TSTs. As aulas acontecerão de segunda a sexta das 18h às 22h no Senai de Araripina.

Atualmente, o mercado de trabalho para os profissionais em Segurança do Trabalho tem crescido tanto em quantidade de vagas como também em remuneração. O piso salarial é ajustado em cada Estado, em São Paulo, por exemplo, um TST da área de engenharia construtiva recebe R$ 3.230,00. O TST pode atuar em diversas áreas como construção civil, saúde, hospitais, metalúrgica, indústrias, agroindústrias ou até mesmo empreender com consultorias próprias.

Você que está no 2º ano do Ensino Médio ou já concluiu, pode ingressar em curso de uma das melhores profissões da atualidade. Para mais informações os interessados podem entrar em contato com Escola Técnica Senai Araripina pelo telefone (87) 38732690.

Share Button