TRINDADE VIVE DIA ‘D’ DE VACINA CONTRA GRIPE

As Unidades de Saúde da Família de Trindade estiveram abertas nesse último sábado (12) para o Dia ‘D” que marca o início da 20ªCampanha Nacional de Vacinação contra a Influenza – o vírus da gripe. A campanha irá até o dia 1º de junho.

 “Tivemos uma grande movimentação da população que estão nos grupos para receberem a dose da vacina. Que poderá ser encontrada nos postos até o mês de junho, quando encerra a campanha”, disse a secretária de Saúde Dra Conceição Barros.

Quem deve tomar a vacina: indivíduos acima de 60 anos; Crianças de 6 meses até 5 anos; Gestantes; Puérperas até 45 dias após o parto; Trabalhadores do segmento de saúde; Povos indígenas; Grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos, sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional; Professores das escolas públicas e privadas.

Pessoas com doenças crônicas (como o diabetes) e outras condições clínicas especiais também devem receber a vacina. Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no posto de saúde. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos de saúde em que estão registrados para ganhar a dose, sem a necessidade de receita.

1 – Quais as complicações da gripe – Influenza 2018?

O quadro clínico da influenza costuma ser mais grave. Ocorrem febre alta, calafrios, dor de garganta, tosse, mialgias e cansaço. As complicações mais temidas são pneumonia viral ou bacteriana, síndrome da angústia respiratória (SARS) e, nos casos mais graves, óbito. As complicações ocorrem de forma mais grave em crianças abaixo de 5 anos, idosos, gestantes e puérperas (pós-gravidez) e pessoas com patologias crônicas.

2 – Como se prevenir contra a gripe?

Para evitar o contágio é preciso redobrar a atenção com a higiene das mãos e evitar aglomerações. Procure utilizar lenços descartáveis, evite tossir nas mãos, que são veículos de transmissão, lave sempre bem as mãos com água e sabão e use papel-toalha, evite lugares fechados e com grande número de pessoas, mantenha os ambientes ventilados e não compartilhe objetos de uso pessoal. A vacinação é uma das formas de prevenção mais eficientes, é indicada a partir dos 06 meses de vida.

Da Assessoria de Comunicação – SAÚDE (Foto: Edson Vasconcelos).

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *