CURTAS E BOAS

ELEIÇÃO DA CÂMARA

            Está repercutindo bastante nas hostes políticas a movimentação em torno da eleição para a escolha da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Araripina, que acontecerá até o dia 15 de dezembro, data da última sessão do período legislativo. O atual presidente, vereador Luciano Capitão (PSB) declarou publicamente que concorre a reeleição e para fazer a costura política e garantir a renovação do mandato à frente da Casa Joaquim Pereira Lima se aliou ao bloco de oposição que tem cinco vereadores e conquistou a simpatia de mais três do bloco governista. Com isso, tem votos suficientes para se eleger novamente presidente da Casa do Povo.

ELEIÇÃO DA CÂMARA I

            Mas, a articulação política de Luciano Capitão não foi bem digerida por seis vereadores – a maioria- da bancada governista, que estão afirmando alto e em bom som que o vereador agora é o candidato da situação. A base governista está pasando por um grande mal estar político e os seis vereadores situacionistas (Francisco Edvaldo, Bringel Filho, Divona, Tico de Roberto, Tião do Gesso e João Dias) afirmaram que não apoiam a reeleição de Luciano Capitão. A decisão será dada pelo líder do grupo político, o prefeito Alexandre Arraes.

SONHAR DE MAIS

            Alguns eleitores e agentes políticos ligados ao deputado estadual Raimundo Pimentel estão sonhando alto demais. Acreditam, muitos deles, que o deputado vai ocupar a Superintendência da 3ª SR/Codevasf, sediada em Petrolina. Para refrescar a memória desses sonhadores, a Codevasf hoje é gerida pelo ex-prefeito de Granito, João Bosco Lacerda, petista histórico ligado politicamente ao senador Humberto Costa e a ex-deputada Isabel Cristina, que disputou a eleição como primeira suplente de João Paulo ao Senado. Na lista de espera para fazer indicações estão ainda o deputado estadual Odaci Amorim (PT); o prefeito Júlio Lóssio e o deputado federal eleito Adalberto Cavalcanti (PTB). Essa turma gosta mesmo é de sonhar.

SÁBIA JOGADA

            O vereador Evilásio Mateus (PDT) é mesmo um grande maestro no quesito política. Na eleição passada se manteve na oposição apoiando a candidatura de Armando Monteiro ao governo do estado e trabalhando e votando em Socorro Pimentel (PSL), deputada eleita. Como não é besta e também corre no seu sangue a fidelidade política, manteve apoio aos governistas Fernando Bezerra Coelho para o Senado (eleito) e Fernando Filho, deputado federal reeleito. Sozinho emplacou 1.500 votos para Fernando Filho. Enquanto o seu grupo vai sofrer o esquecimento por estar na oposição, Evilásio que não é besta, estará bem próximo dos dois Fernandos (pai e filho).

REFORMA ADMINISTRATIVA

            O prefeito Alexandre Arraes (PSB), de Araripina, não esconde de ninguém que em janeiro fará uma reforma administrativa no seu governo. Como gestor moderno quer dar mais agilidade a administração municipal nos próximos dois anos que ainda tem de mandato. Sabedor das dificuldades que os municípios vem enfrentando e com perspectivas nada animadoras, o prefeito pretende alinhar a sua administração ao governo do estado e com isso trazer importantes obras e ações para o município.

DEPUTADA OU PREFEITA?

            Uma grande dúvida paira na cabeça dos eleitores de Araripina. Afinal de contas a médica Socorro Pimentel (PSL) quer ser mesmo deputada estadual ou prefeita? Correligionários e militantes da médica estão espalhando pelos quatro cantos que em 2016 não tem pra ninguém e ela será eleita prefeita de Araripina. Ela nem tomou posse ainda como deputada estadual e os seus correligionários já estão dando como certa a sua eleição para prefeita. Realmente não dá pra entender: deputada ou prefeita?

 

90% DAS ESTRADAS DA ZONA RURAL DE TRINDADE ESTÃO REFORMADAS

trindade1

A Prefeitura Municipal de Trindade, através da Secretaria de Obras vem trabalhando intensamente nas estradas da zona rural. As ações da gestão “Juntos para Reconstruir Trindade” seguem ativamente e promove a alegria dos moradores que sempre sonharam na melhoria da mobilidade rural e agora vivem uma realidade diferente e motivadora.

De acordo com o prefeito Dr. Everton Costa, a zona rural do município já dispõe de 90% das estradas principais e vicinais reformadas, a ordem do executivo é concluir o restante até o final deste ano. “Nosso objetivo quanto gestão é facilitar e gerar mais qualidade na mobilidade para as famílias que residem nos povoados e sítios de Trindade. Vamos concluir todas as estradas da zona rural até o final de 2014, a equipe montada para esta finalidade não pode parar”, frisou o chefe do poder executivo.

trindade

Em conversa com o secretário de Obras Lamarth Piancó o mesmo lembrou quais localidades já foram beneficias, destacou as estradas que faltam e que terão o benefício até dezembro do ano corrente.

Concluídas as Estradas do povoado da Bonita, tanto a principal quanto vicinais, bem como do Saco Verde, Mangueira, Povoado do Juá, Sítio Barro Branco, Sítio Socorro, Alto Alegre 2,  Lagoa do Gado, Abobora, Barra de São Pedro (12 km de Trindade), e Assentamento Milagres.

Faltando apenas as reformas das estradas do Sítio Pé de Serra e do Alto Alegre 01. Conforme prometido, serão feitas até o final deste ano. As estradas recebem o cuidado necessário no recapeamento das vias com piçarra e gipsita. Sobretudo o beneficio chega também para as fábricas de gesso que precisam deslocar o produto com qualidade e agilidade no trajeto.

ASCOM – TRINDADE (Fotos: Lusmar Barros)

LULA PARTICIPARÁ MAIS DO GOVERNO PARA VOLTAR EM 2018

lula

O ex-presidente Lula afirmou, pela primeira vez, a aliados que será o candidato à Presidência nas eleições de 2018, segundo a edição desta quarta-feira (29) do jornal Folha de S.Paulo. De acordo com os interlocutores ouvidos pela publicação, a decisão de Lula foi manifestada, na noite do último domingo (26), após a reeleição de Dilma Rousseff (PT) ter sido confirmada pelas urnas.

A concretização da candidatura de Lula, entretanto, depende também de outros fatores que vão além de sua vontade pessoal. O ex-presidente tentará aumentar a sua influência durante o novo mandato de Dilma Rousseff, dessa forma, a sua candidatura em 2018 seria vista como algo mais natural, e não apenas como um artifício petista por mais quatro anos no Planalto.

Durante o seu primeiro mandato, a presidente Dilma optou por seguir um caminho centralizador, que por vezes, excluía outros nomes do partido (inclusive Lula) da tomada de decisões importantes. Desta vez, o PT pretende ter mais protagonismo, já a partir da decisão do nome do novo Ministro da Fazenda e na definição das propostas, como a reforma política.

Petistas enxergam uma maior participação de Lula necessária também para estabelecer uma reaproximação com os movimentos sociais e um maior diálogo com o meio empresarial, atitudes que ajudariam na condução do retorno do ex-presidente.

Além do maior protagonismo até 2018, a saúde de Lula também é um fator que pode não permitir a concretização de uma nova candidatura do ex-presidente. O próprio reconhece que não sabe como estará em 2018, já com 73 anos de idade. Recentemente, em 2011, ele se curou de um câncer na garganta.

Em nota, a assessoria do ex-presidente afirmou que questionado, no último domingo (26), sobre 2018, Lula afirmou que sua “única expectativa para daqui a quatro anos é estar vivo”. A volta de Lula já era defendida por parte do PT como alternativa para 2014. Porém, o próprio ex-presidente preferiu apoiar a reeleição de Dilma. (DP)

DILMA RETORNA AO PALÁCIO DO PLANALTO DEPOIS DE 40 DIAS

DILMA

Depois de ficar completa e unicamente dedicada à sua campanha em busca da reeleição, alcançada no último domingo, a presidente Dilma Rousseff voltou, na manhã desta quarta-feira, 29, a despachar em seu gabinete no terceiro andar do Palácio do Planalto, após 40 dias. O último dia que Dilma esteve no Planalto foi em 19 de setembro, quando recebeu atletas olímpicos e paralímpicos, vencedores de jogos na China e na Rússia.

Antes dessa data, ela esteve no Planalto em 25 de agosto, em uma meteórica passagem para se reunir com o presidente da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Raymundo Damasceno de Assis, antes de seguir para São Paulo para se preparar para o primeiro debate dos presidenciáveis, na TV Bandeirantes, em 26 de agosto.

Dilma não tem agenda ainda determinada para hoje e a previsão é de que, no final do dia, embarque para a Base Naval de Aratu, na Bahia, para descansar até o final de semana.

Depois de ter vencido as eleições no domingo, Dilma, na segunda e terça-feira concedeu entrevistas a redes de televisão, recebeu telefonemas de presidentes e chefes de Estado, que lhe cumprimentaram pela vitória nas urnas e, na noite de ontem, promoveu uma grande reunião com parte de sua equipe econômica.

A expectativa é de que a presidente escolha o sucessor de Guido Mantega, no Ministério da Fazenda, antes de embarcar para a reunião do G-20, na Austrália, marcada para o dia 15 de novembro. Com isso, haveria uma redução da tensão do mercado, que tem provocado grandes oscilações na bolsa de valores e na cotação do dólar. (DP)

ASSEMBLEIA FAZ HOMENAGEM A EDUARDO CAMPOS

HOMEGAME

Os deputados estaduais prestaram uma homenagem ao ex-governador Eduardo Campos na Assembleia Legislativa na noite desta terça-feira (28). Durante a sessão solene, os deputados entregaram uma placa à ex-primeira-dama Renata Campos e à mãe de Eduardo, a ministra do Tribunal de Contas da União, Ana Arraes, pelos serviços prestados pelo ex-governador aos pernambucanos.

Emocionada, Renata Campos agradeceu em nome dela e dos filhos à generosidade do povo pernambucano por ter estendido as mãos no momento de dor. Afirmou saber que o ex-governador fez “grandes amigos” na Assembleia, que o ajudaram a consturir um estado melhor. “Poucos duvidam que o governo de Eduardo legou ao povo um estado melhor para se viver”, destacou.

O presidente da Assembleia, Guilherme Uchoa (PDT), autor do requerimento da homenagem, afirmou que essa era uma solenidade que ninguém gostaria de estar presente. “Pernambuco e o Brasil perderam um de seus maiores líderes políticos”, disse. Contou várias passagens de sua relação pessoal com Eduardo e da relação do ex-governador com o Legislativo. “Era um obstinado que estava pronto para dar novos rumos à política brasileira”, acrescentou.

No discurso, Uchoa destacou a presença de Renata Campos. Disse que a viúva do ex-governador era uma das responsáveis pelo sucesso do marido. Depois dele, o líder do governo no Legislativo estadual, Waldemar Borges (PSB), discursou exaltando a trajetória política. Um vídeo foi exibido com uma passagem do discurso de posse de Eduardo na posse dele em 2011, quando assumiu o segundo mandato.

Estavam presentes o governador do estado, João Lyra Neto (PSB), deputados, familiares e amigos do ex-governador. Eduardo Campos faleceu no dia 13 de agosto, vítima de um acidente aéreo em Santos, São Paulo.

Com informações do repórter Thiago Neuenschwander, do Diario de Pernambuco

ARARIPINA PROMOVE PALESTRAS SOBRE EMPREENDEDORISMO TURÍSTICO E CULTURAL

araripina

A Prefeitura de Araripina através da Secretaria de Juventude, Cultura e Turismo, em parceria com o SEBRAE e o SESC Ler promoveram entre os dias 27 e 28 no auditório do SEBRAE, palestras com diversos temas sobre empreendedorismo turístico e cultural do município.

O objetivo do projeto foi promover uma grande mobilização de comerciantes e artistas de Araripina e região para despertar sobre a importância de atividades,  valorizando a cultura local, buscando novas ideias para melhorar o desenvolvimento econômico de quem promove arte, profissionalizando o artista e fortalecendo o turismo.

De acordo com o secretário de Turismo de Araripina Lídio Santiago, organizador do encontro, Araripina dispõe de diversos pontos fortes da cultura ao exemplo da música, dança, artesanatos, além de uma diversidade culinária nos bares e restaurantes da cidade.

palestra1

A roda de debates com os temas das palestras apresentadas acendeu um grande leque de discussões baseados em empreendedorismo cultural e a cultura como vertente estruturadora para o desenvolvimento do turismo.

Vários artistas participaram ao exemplo da cantora Fabiola Paiva, bailarinos da Companhia de Dança do SESC, Isaias da Banda de Pífano de Nascente, representantes do movimento Hip Hop – Pêjota, do poeta/locutor Carlos Paixão, do cantor Amado Cido, Junior Baladeira de Ouricuri, sanfoneiros, produtores culturais, Jackson coliógrafo, dona Francisca Sinfrônio (artesã), empresários, professores, representantes do Grêmio Estudantil da Escola Independência, líderes juvenis, entre outros.

O evento contou com diversos representantes das secretarias da Prefeitura Municipal de Araripina, do consultor do SEBRAE Jorge Roseno (um dos palestrantes), do gerente do SESC Ler de Araripina Richard Santiago, da Gerente do SEBRAE de Araripina Lucélia Barros e Rossana Webster, além da imprensa local.

ASCOM – ARARIPINA

SÁBADO É DIA DE VACINAR CÃES E GATOS CONTRA A RAIVA

CAES

Mais de 1,2 milhão de animais, sendo 890 mil cães e 386 mil gatos devem ser vacinandos em Pernambuco neste sábado (1º/11), dia da Campanha Nacional de Vacinação Antirrábica Canina e Felina.

O último caso de raiva humana em Pernambuco foi registrado em 2008, no município de Floresta. A transmissão foi por um morcego. Por cão, o último caso registrado foi em 2006. A raiva canina ou felina vem decrescendo no estado. Em 2012, foram registrados dois casos (caninos) e, em 2013 e 2014, não houve nenhum registro.

A ação de vacinação está sendo realizada pelas prefeituras com o apoio da Secretaria Estadual de Saúde (SES), serão oferecidos 7.350 postos de vacinação. Cabe aos serviços municipais de Saúde o controle da transmissão da doença na zona urbana (na zona rural, a vigilância sobre os animais fica a cargo da Adagro). Como nas áreas urbanas os transmissores são basicamente os animais domésticos, a campanha de vacinação contempla, apenas, as populações canina e felina.

A raiva é uma doença viral e infecciosa, transmitida por mamíferos. A vacinação desses animais é essencial para evitar qualquer caso de raiva humana. A enfermidade é uma doença 100% letal, transmissível de animal para animal e de animal para o homem, por meio da saliva. A passagem do vírus se dá no momento da mordida, arranhão e lambedura de qualquer mamífero infectado. Os cães são responsáveis pela maioria dos casos de transmissão da doença para o homem. Animais silvestres, como morcegos, raposas e macacos, também podem transmiti-la.

Ao ser agredida por um animal, a pessoa deve lavar imediatamente o ferimento com água e sabão, e procurar com urgência o posto de saúde mais próximo. Cães raivosos apresentam sintomas como: agressividade (atacando pessoas e objetos) ou tristeza (procurando lugares escuros), salivação excessiva, dificuldade para engolir, latido rouco e paralisia das patas traseiras. Nos humanos, a doença ataca o sistema nervoso central, levando à morte.

O tratamento profilático antirrábico também é recomendado para toda agressão por espécie silvestre (morcegos, raposa, cachorro do mato e saguis). O soro e a vacina para esse tratamento estão disponibilizados na rede do SUS, gratuitamente. (DP)

DIA D DE COMBATE AO CÂNCER DE MAMA E DE COLO DE ÚTERO MOVIMENTARÁ OURICURI NESTA QUINTA

mama

O mês de outubro está chegando ao fim e para se despedir da Campanha Outubro Rosa que mobilizou toda a população contra o câncer de mama e câncer de colo de útero, a Prefeitura Municipal de Ouricuri por meio da Secretaria de Saúde realiza o dia D da campanha na manhã desta quinta-feira, 30.

Para tanto, será realizada uma caminhada com concentração na praça de eventos em frente ao Centro Materno Infantil, de onde vestidas de rosa e com faixas e palavras de ordem, dezenas de pessoas sairão em passeata pelas principais ruas da cidade. A concentração acontece a partir das 8h.

A ideia é chamar a atenção da sociedade para a importância da prevenção e diagnóstico precoce destes cânceres e ressaltar que esta é uma campanha permanente. O câncer de mama, por exemplo, acomete a cada 100 mil mulheres nordestinas cerca de 36,74 delas, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA). (Ascom PMO)

CONCURSO PARA AGENTE DA PF SUSPENSO

federal

O concurso público para agente de polícia federal foi suspense devido a uma decisão judicial. O comunicado foi feito pela organizadora do certame, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UNB), na tarde desta segunda-feira (27). Segundo a publicação, o certame da Polícia Federal (PF) a suspensão cumpre decisão proferida nos autos da Ação Civil Pública n.º 2002.38.03.000070-8/1ª Vara Federal da Subseção Judiciária de Uberlândia/MG. Confira comunicado aqui.

O Blog dos Concursos procurou a assessoria da PF, que informou não ter sido oficialmente citada a respeito da determinação, portanto eles alegaram não ter informações sobre as consequências desse ato até o momento. A PF não soube declarar se essa suspensão seria para adequação de edital a partir de deliberação da Justiça, ou se haverá até mesmo um cancelamento do certame. Ainda segundo a assessoria do órgão, a PF só deve emitir nota sobre o fato nesta quarta-feira (29), já que é o Dia do Servidor Público é celebrado nesta terça-feira (28).

As inscrições no concurso público da Polícia Federal (PF) terminaram no último domingo (26) pelo endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/dpf_14_agente. Até então, o processo seletivo visava o provimento de 600 vagas para o cargo de agente, que exige nível superior de escolaridade. Ao ser aberto, o certame ocorreria nacionalmente, porém, para a escolha de lotação, seriam disponibilizadas vagas preferencialmente nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira. O salário inicial é de R$ 7.514,33 para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.​ (Blog dos concursos)

DILMA REPETE ACREDITAR QUE TODOS VOTARAM POR PAÍS MELHOR

dilma

A presidente reeleita Dilma Rousseff (PT) reafirmou na noite desta segunda-feira (27) que o “recado das urnas” é de mudança e repetiu que é a hora de todos os brasileiros se unirem para garantir um futuro melhor para o país. “Eu acredito que uma eleição é sempre um recado de mudança, acho que a eleição na democracia é um momento que as pessoas, mesmo com posições diferentes, elas defendem uma mudança, uma melhoria”, disse, em entrevista ao vivo à TV Clube/ Record.

Dilma lembrou que as palavras mais ditas durante a campanha foram “mudança” e “reforma” e disse que em todas as democracias maduras no mundo, quando se fala em união “não está se falando de unidade perfeita de ideias”. “Mas sim em uma possibilidade de abrir-se um amplo diálogo”, diz.

A presidente disse ainda que vai trabalhar para garantir que o país cresça e mantenha esse nível baixo de desemprego. “Vamos abrir o dialogo amplo com todas as forças produtivas e sociais e todo o setor financeiro também”, disse. “A partir de agora o clima é de construção de pontes.”

Ao ser lembrada sobre os sobressaltos que a economia brasileira tem sofrido nos últimos anos, Dilma transmitiu uma mensagem de tranquilidade. “Em 2002, o Brasil tinha R$ 37 bilhões na reserva. Hoje temos R$77 bilhões além do necessário, ou seja somos credores agora”, explicou a presidente. A presidente reeleita reconheceu as dificuldades, mas lembrou que o mundo inteiro está passando por problema dessa ordem em virtude da crise internacional. “As mudanças serão feitas”, garantiu, mas se esquivou ao ser questionada sobre qual será a próxima equipe a assumir o Ministério da Fazenda. “Não adianta especular, está cedo ainda”, concluiu.

Dilma ainda criticou uma suposta falta de visibilidade da crise de abastecimento de água que São Paulo vem sofrendo. “Se fosse num governo da situação, nós seríamos criticados severamente. Mas pouco se iluminou o problema. Os refletores não estavam sobre ele”, criticou. Ao final, a petista pontuou que a palavra que definirá sua próxima gestão será “diálogo”.

Com informações da Agência Estado

BRINGEL FILHO AFIRMA: “A MAIORIA DA BASE GOVERNISTA NÃO QUER REELEGER LUCIANO CAPITÃO”

Vereador Bringel Filho (PSDB)

A eleição para a escolha da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Araripina terá novos capítulos até o mês de dezembro. Recentemente, o vereador Luciano Capitão, presidente do Legislativo Municipal e candidato a reeleição recebeu o apoio do bloco de oposição formado por cinco vereadores (Evilásio Mateus, Genival da Vila, Aurismar, Luis Henrique e Camila Modesto) e também dos governistas Doval da Saúde, Deval e Humberto Filho.

Esse apoio do bloco de oposição a Luciano Capitão não tem agradado alguns vereadores que integram a base governista que também têm disposição para presidir a casa Joaquim Pereira Lima. O vereador Bringel Filho afirmou em conversa com este blogueiro que a maioria dos vereadores da base governista não apoiam o projeto de reeleição de Luciano Capitão.

Segundo Bringel Filho, está agendada uma reunião com o prefeito Alexandre Arraes para esta semana, quando então terá uma definição do nome indicado pelo grupo político para ser o candidato a presidente da Câmara Municipal. “Teremos uma reunião com o prefeito e ele vai dizer quem é o candidato. Uma coisa é certa, a maioria da base na Câmara de Vereadores não concorda com a reeleição de Luciano Capitão”, disse Bringel Filho.

ORDENS DE CHEFES DO CRIME PARTEM DE 4 PENITENCIÁRIAS

Nem muralhas, arames farpados ou sistemas de vigilância são capazes de impedir detentos de cometer novos crimes e orientar comparsas nas ruas. Juízes, promotores e advogados consultados pelo jornal O Estado de S. Paulo apontam quatro complexos penitenciários – em São Paulo, no Rio, em Santa Catarina e no Maranhão – como os principais focos de concentração de facções, de onde seus líderes atuam como “conselheiros deliberativos” do crime aqui fora. De lá, ordenam de ataques ao poder público à execução de desafetos.

Presos já condenados respondem a novos processos e podem até acumular penas acima de 30 anos – tempo máximo previsto pela legislação brasileira. Os presidiários perdem benefícios, como progressão de regime e remissão da pena, e podem ir para o isolamento.

Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais de São Paulo, o promotor Everton Luiz Zanella diz que da Penitenciária de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, parte a maioria das ordens do Primeiro Comando da Capital (PCC), organização que reúne 8 mil presos e 1,6 mil pessoas nas ruas.

“O principal crime cometido pela facção é o tráfico de drogas. O tráfico é visto como um crime mais fácil e mantém o fluxo financeiro da organização. Se uma pessoa é presa, outra a substitui facilmente, porque, em geral, os presos são sempre da parte mais baixa da hierarquia”, diz o promotor. “Justamente por essa facilidade, o tráfico é delito que menos depende de decisões de dentro dos presídios. Nas escutas, o mais comum é flagrar crimes relacionados a cobranças de dívidas, execuções dos tribunais do crime”, afirma Zanella.

Quando um preso é flagrado ao cometer um delito, como a ordem de uma execução, ele é indiciado. Se condenado, o presidiário tem a nova pena acrescida à anterior. “Se o detento comete falta grave além de responder pelo novo crime, ele perde todos os benefícios a que tinha direito, como progressão do regime”, diz o procurador-geral de Justiça de Santa Catarina, Liu Marcos Marin. O Estado de Marin viveu uma onda recente de atentados, cujas ordens de execução saíram de dentro de prisões.

Marin explica que, se o preso está em regime semiaberto, ele volta para o fechado. Além disso, a contagem do tempo para pedir progressão do regime é zerada – em situações normais, depois de cumpridos dois quintos da pena, o detento pode sair da cadeia durante o dia.

Isolamento

Além da perda de benefícios e da possibilidade de nova condenação, a Lei de Execuções Penais prevê a internação de presos infratores no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), que implica até 20 horas diárias de isolamento. Em São Paulo, até anteontem, 37 pessoas estavam presas no RDD – o Estado tinha, em junho, 204 mil presos. Santa Catarina, por exemplo, não tem a estrutura necessária de isolamento.

Nesses casos, os Estados solicitam a transferência dos internos para presídios federais, para tentar isolá-los – são quatro unidades no País. “Continuamos acompanhando a execução penal dos detentos nesses presídios”, diz Marin. O Estado do Rio tem RDD, mas também recorre aos presídios federais para isolar membros das três facções que atuam no Estado a partir do Complexo de Gericinó (antigo Bangu). A última transferência de detentos aconteceu em julho, quando sete líderes de facções foram enviados ao Paraná. (Agência Estado)

COMERCIANTES DE OURICURI TÊM ATÉ O DIA 31 PARA SE CADASTRAREM NO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

A Prefeitura Municipal de Ouricuri informa que os comerciantes do município têm até o próximo dia 31 de outubro para fazerem o cadastramento no sistema de nota fiscal eletrônica. Para regularizar a situação os interessados devem se dirigir ao setor tributário da Prefeitura munido de todos os dados da empresa, a exemplo do CPF ou CNPJ e contrato social, bem como os dados do proprietário.

Após este prazo, os comerciantes que não tiverem efetivado seu cadastro não poderão mais emitir a nota de talão, pois estas perderão a validade no município. Para o Procurador Geral do município, Agripino Jr. esta ação tende a facilitar o dia a dia dos comerciantes da cidade. “Com a nota fiscal eletrônica, os proprietários de empresas terão mais comodidade de emitir a nota, podendo acessar o sistema em casa sem a necessidade de ir à prefeitura para carimbar o documento”, afirmou.

O acesso ao sistema para cadastro de usuário e senha é simples e deve ser feito através do site da Prefeitura WWW.ouricuri.pe.gov.br no link nota fiscal eletrônica. (Ascom PMO)

FERNANDO BEZERRA COELHO SE PRONUNCIA SOBRE VITÓRIA DE DILMA ROUSSEFF

fbc

DP

O senador eleito de Pernambuco Fernando Bezerra Coelho (PSB) se pronunciou sobre a reeleição de Dilma Rousseff (PT), desejando boa sorte ao novo governo. “Que ela possa honrar os votos dos milhões de brasileiros que recebeu e fazer as transformações que o Brasil necessita”, afirmou.

Bezerra Coelho assinala necessária reforma política exigida pela população e fala sobre os desafios que serão encarados no próximo mandato da petista. “Caberá à presidente agora a tarefa de repactuar o Brasil, de unir novamente os brasileiros, para que possamos retomar o rumo do crescimento”, acrescentou.

Confira a nota na íntegra:

O resultado das urnas deve ser respeitado, sempre. Numa democracia ele é soberano e incontestável. Desde o início desta campanha eleitoral oferecemos ao Brasil uma nova proposta de futuro, primeiro com a candidatura de Eduardo Campos à presidência. Infelizmente uma tragédia interrompeu nosso sonho. Apresentamos aos eleitores então a candidatura de Marina Silva, que mesmo obtendo uma expressiva votação não chegou ao segundo turno. Nesta nova etapa, nosso partido entendeu que o melhor caminho para o Brasil estava representado nas propostas defendidas por Aécio Neves.

Agora, com o processo eleitoral finalizado, nos cabe desejar à presidente Dilma boa sorte em seu novo governo. Que ela possa honrar os votos dos milhões de brasileiros que recebeu e fazer as transformações que o Brasil necessita.

O Brasil que surge das urnas é uma nação claramente dividida entre dois projetos distintos. Uma nação que se questionou entre mudança e continuidade, mas que deixou claro o desejo de melhorias nos serviços públicos. Caberá à presidente agora a tarefa de repactuar o Brasil, de unir novamente os brasileiros, para que possamos retomar o rumo do crescimento. Vamos viver, já em 2015, grandes desafios, como o combate à inflação, a geração de empregos e a atração dos grandes investimentos. As urnas e as ruas nos mostraram que as pessoas exigem uma profunda reforma política. Ao longo da campanha, defendemos com clareza o fim da reeleição presidencial, com mandato de cinco anos, a proibição das doações por empresas e uma cláusula de barreira, capaz de reduzir a quantidade de partidos no Brasil. Ou a presidente tem a capacidade de superar as diferenças políticas, admitindo equívocos e convocando a população para o enfrentamento de tão urgentes problemas, ou teremos pela frente tempos de grande incerteza.

Caberá à presidente fazer prevalecer o sentimento republicano, tratando a todos os entes federativos com imparcialidade. O resultado do pleito não deve interferir nas decisões administrativas. A política é uma ferramenta para o debate de ideias e não pode servir a interesses menores. Eduardo Campos nos dizia que era preciso aprender a perder, mas, acima de tudo, saber ganhar. Ou seja, o embate eleitoral termina com a divulgação do resultado. Embora estejamos no campo da oposição, onde o povo nos colocou, o tempo a partir de agora é de trabalho. Não vamos desistir do Brasil, nem do que reunimos de mais precioso nesta jornada, que foram as contribuições apresentadas por milhares de brasileiros em tantos debates realizados. Meu compromisso é exercer o mandato de Senador com responsabilidade, ética, dever cívico e honrando os projeto assumido em praça pública.      

Fernando Bezerra Coelho, senador eleito por Pernambuco.