SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO DE TRINDADE PROMOVE ENCONTRO COM EQUIPE

A segunda-feira (16) já começou bastante produtiva na Secretaria de Educação de Trindade. O secretário Juka Sá convocou toda equipe e gestores municipais para uma reunião onde foram apresentados os dados da FUNDEP – Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa.

A oportunidade serviu de confraternização e uma troca de experiências que irão garantir novos avanços importantes nos resultados que o município requer, para fortalecer ainda mais os novos e futuros dados exigidos tanto pelo município, quanto para o Estado e Ministério da Educação.

“Sabemos do cuidado do prefeito Dr Everton Costa e do vice Jaécio Sá em proporcionar tudo que for necessário para o bom desenvolvimento da educação de Trindade. Estamos aqui, todos juntos e misturados para fazer com que a realidade que vivemos, nos resultados que conquistamos, se fortaleçam cada vez mais”, pontuou o secretário Juka Sá.

Da Assessoria de Educação – Trindade/Educação

Share Button

DEPUTADA ROBERTA ARRAES CUMPRE AGENDA NO SERTÃO DO SÃO FRANCISCO

Assessoria de imprensa / Foto: reprodução

Nesse último final de semana, a deputada Roberta Arraes esteve cumprindo agenda política, com muitas visitas, no Sertão do São Francisco.

A parlamentar esteve sábado (14), no município de Lagoa Grande, onde foi recebida pelo vereador Professor Vavá, e seus assessores. Visitaram a vinícola Rio Sol e depois seguiram para um encontro com os amigos do vereador Vavá, no centro de treinamento Edson Rego, onde também esteve presente a vereadora e presidente da Câmara, Iara Evangelista e seu pai, Joaquim da Rocinha, ex-vereador.

“Foi um momento descontraído, onde conversamos e escutamos atentamente todos que estavam lá, alem de falarmos de futuras ações para o município”, frisou a deputada.

Ainda estiveram no assentamento Abreu e Lima, conhecendo um pouco daquela realidade.

Por fim, Roberta finalizou sua agenda no Hospital José Henrique de lima, a convite do vereador, onde foram recebidos pela secretária Municipal de Saúde, Aparecida, e o diretor administrativo, Altamir. Lá conheceram a estrutura física do hospital, que ultimamente passou por uma grande reforma e que agora está apta a atender o povo da região.

Ainda no sábado (14), Roberta Arraes também esteve no município de Santa Maria da Boa Vista, dessa vez a convite do vereador Ronaldo Sá, prestigiando a 19ª Serenata da Recordação, ao lado de amigos e do deputado federal, Adalberto Cavalcanti.

“Fiquei encantada com tudo que presenciei! O entusiasmo, a felicidade das famílias, o reencontro dos amigos, as histórias e momentos vividos. O mais lindo é o carinho com que eles falam da serenata, nos apaixona”, finalizou a parlamentar.

 

Share Button

PRISÃO DE 100 DIAS DE LULA JÁ CUSTOU AOS BRASILEIROS MAIS DE R$1 MILHÃO

A prisão especial de Lula, gentilmente decidida pelo juiz federal Sérgio Moro, completa 100 dias neste domingo e já custou R$1 milhão aos cofres públicos. Condenado a 12 anos e 1 mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em vez de cumprir a pena em penitenciária comum do Paraná, onde foi condenado, ou de São Paulo, onde morava, Lula tem na carceragem da PF “sala” e banheiro individual e banho quente, além de TV, ao custo diário de R$10 mil. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Comparada a presídios comuns, a prisão é precária. E atrai adoradores e malucos variados, que põem em risco a segurança do próprio Lula.

Se fosse enviado para presídio de São Paulo, Lula ficaria mais perto da família, custaria R$ 1,4 mil/ mês e o bolso do contribuinte agradeceria.

Em média, cada preso no Brasil gera um custo mensal de R$ 2,5 mil. Um dia da prisão especial de Lula equivale a 4 meses do gasto normal.

No Amazonas, onde o custo está entre os mais altos, o gasto por preso é pouco mais de R$ 4 mil por mês, ou cerca de 10h de prisão de Lula.

Share Button

FRANÇA BATE A CROÁCIA POR 4×2 E É BICAMPEÃ MUNDIAL NA COPA DA RÚSSIA

Na final com mais gols na Copa do Mundo em 52 anos, a França conquistou o título pela segunda vez. A equipe passou sufoco, foi dominada durante o primeiro tempo mas deslanchou na etapa final e bateu a Croácia por 4 a 2 neste domingo (15), em Moscou.

Desde que a Inglaterra bateu a Alemanha também por 4 a 2 em 1966 uma decisão de Mundial não tem seis gols marcados. E aquela partida foi decidida na prorrogação. A França foi campeã nos 90 minutos regulamentares. A última vez que um jogo de título teve mais do que seis gols, o Brasil foi campeão sobre a Suécia: 5 a 2.

A conquista acontece 20 anos após os franceses terem sido campeões pela primeira vez. Em 1998, atuando em casa, passaram pelo Brasil por 3 a 0. Neste domingo, com a partida empatada, o VAR foi utilizado pela primeira vez na história das finais de Copa e ajudou os agora bicampeões e anotarem o segundo gol.

Foi um imponderável do futebol que a França tenha terminado o primeiro tempo vencendo por 2 a 1. A Croácia dominou o jogo. Com seus meias adiantados e Brozovic marcando Griezmann de perto, a equipe considerada zebra teve o controle das ações e forçou os lances pelas laterais. Por mais que não tenha conseguido criar grandes chances.

Mas a França também não criou. Apesar disso fez dois gols em jogadas de bola parada. Em uma delas, o árbitro argentino Néstor Pitana errou e marcou falta inexistente sobre Griezmann. Mandzukic desviou a cobrança fez o primeiro gol contra da história em uma final de Copa do Mundo.

Todas as vezes que conseguiu colocar a bola na área ou entrou com a bola dominada, a Croácia incomodou. Fosse com Rebic, Perisic pelos lados ou Mandzukic pelo lado, a França tinha problemas.

Faltava um pouco de sorte para a equipe do armador Modric, até que a bola sobrou para Perisic empatar. Como aconteceu todas as vezes a partir das oitavas de final, os croatas saíam atrás do placar, mas ia buscar a igualdade.

A França era burocrática e Mbappé estava apagado. Como aconteceu em outros momentos do torneio, como diante da Austrália ou Argentina, teve um golpe de sorte. O VAR fez Pitana anotar um pênalti contestado em toque na mão de Perisic na área. Griezmann marcou pela quarta vez no torneio. Três da marca penal.

O gol de Grizemann foi o primeiro de um atacante em finais de Copa desde que Ronaldo marcou duas vezes em 2002 diante da Alemanha.

Foi também uma ducha gelada na torcida no estádio Lujniki, que tinha maioria esmagadora favorável à Croácia. Além dos croatas, os neutros torciam contra a França.

Havia o temor de que a Croácia poderia cansar no segundo tempo. Havia jogado prorrogações em todas as fases eliminatórias até a decisão. A França só havia atuado 90 minutos nas oitavas, quartas e semifinal. Ficou a sensação de que isso aconteceria. Os croatas pararam em campo. Os franceses passaram por cima.

No espaço de sete minutos, Pogba fez o terceiro após ajeitada de Griezmann e Mbappé anotou o quarto em chute da intermediária. Com o controle da partida, poderia ter feito mais gols. Mas de repente, Descahmps tirou Kanté, o volante que é o coração do time, para colocar Nzonzi.

A Croácia melhorou e ainda contou com a falha escandalosa do goleiro Lloris, que tentou driblar Mandzukic dentro da área e deu o gol para o atacante adversário. É bem possível que se a final estivesse empatada ou com placar apertado, ele não tentaria aquela jogada. Mas tentou e se deu mal.

O lance deu ânimo para a seleção que pareceu entregue por alguns minutos. Mesmo aparentando cansaço, Modric se deslocava, pedia a bola, desesperado para fazer a diferença em campo. A França voltou para o posicionamento que tantas vezes adotou nesta Copa do Mundo: recuar esperando a recuperação da bola para que Pogba acionasse Mbappé na velocidade.

Esta foi também outra diferença entre as duas seleções após o intervalo. Mbappé começou a aparecer mais em campo e criar problemas. Sua participação no terceiro gol tornou possível a ajeitada de Griezmann para Pogba, além de ter marcado o quarto. Na velocidade, nenhum marcador croata era páreo para ele.

A torcida croata e neutra tentou empurrar a seleção que ninguém esperava que chegasse tão longe. Foi o grande conto de fadas da Copa do Mundo de 2018. Mas havia chegado no limite. A França tinha melhores valores individuais, mesmo que seus craques Griezmann, Mbappé e Pogba não tenham feito uma decisão de melhores do mundo, prêmio a que são candidatos.

Pouco importa. A seleção deles atuou de forma pragmática quando preciso e voltou a ser campeã após 20 anos.

FRANÇA
Lloris; Pavard, Varane, Umtiti e Lucas Hernández; Kanté (N’Zonzi) e Pogba; Mbappé, Griezmann e Matuidi (Tolisso); Giroud (Fekir).
T.: Didier Deschamps.
CROÁCIA
Subasic; Vrsaljko, Lovren, Vida e Strinic (Pjaca); Rakitic e Brozovic; Rebic (Kramaric), Modric e Perisic; Mandzukic.
T.: Zlatko Dalic.

Árbitro: Néstor  Pitana (Argentina)
Assistentes: Hernan Pablo Maidana e Juan Pablo Belatti (ambos da Argentina)
Cartões Amarelos: Kanté e Hernández (França)
Gols: FRANÇA: Mandzukic (contra), aos 18 minutos do primeiro tempo; Griezmann, aos 37 minutos do primeiro tempo; Pogba, aos 13 minutos do segundo tempo, e Mbappé, aos 19 minutos do segundo tempo.
CROÁCIA: Perisic, aos 27 minutos do primeiro tempo, e Mandzukic, aos 23 minutos do segundo tempo

(Folhapress)

Share Button

NORDESTE LIDERA PARALISAÇÃO DE OBRAS NO PAÍS

Por: Marina Barbosa, da Folha de Pernambuco

Apesar de ser um elemento fundamental para a atração de negócios e o crescimento de uma nação, a infraestrutura tem recebido cada vez menos investimentos no Brasil. Levantamento da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib) mostra que as verbas aplicadas neste setor só representavam 2,4% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional em 2014. E esse número ficou ainda menor com a crise econômica, podendo chegar a 1,5% neste ano. Por isso, o número de obras paralisadas multiplicou País afora. Segundo pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), já são 2.796 obrasnesta situação, sendo 517 de infraestrutura. E a maior parte delas está no Nordeste, onde Pernambuco desponta como um dos campeões da paralisação.

Ainda segundo o estudo, o Nordeste concentra 1.170 das 2.796 obras paralisadas no País. E 191 delas são de infraestrutura. São projetos de saneamento, rodovias, ferrovias, mobilidade urbana, aeroportos e portos que receberam investimentos da ordem de R$ 6 bilhões nos últimos anos e são encontrados, sobretudo, em Pernambuco. O Estado tem 44 obras de infraestrutura paralisadas.

O número se equipara ao do Ceará, mas não é superado por nenhum outro estado da região, e revela impasses antigos como o da Ferrovia Transnordestina, mas também uma série de problemas no saneamento pernambucano: de acordo com a CNI, 38 das 44 obras listadas no Estado são de saneamento. “A maioria dessas obras são resultado da falta de repasses do Governo Federal. São obras autorizadas pela União que pararam de receber recurso. Mas nós que estamos tendo que fazer o distrato disso. Por isso, estamos até pensando em entrar na Justiça”, revelou o presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Roberto Tavares, explicando que o Estado pode acionar a Justiça para que a União cubra os gastos com os distratos desses empreendimentos.

CNI admite que o prejuízo causado por essas paralisações é enorme. Só as 517 obras de infraestrutura já custaram R$ 10,7 bilhões aos cofres públicos – dinheiro mais que suficiente para amenizar a carência nacional de infraestrutura. Segundo o projeto Infra 2038, lançado pela Fundação Lemann com a intenção de aumentar a produtividade brasileira, são necessários R$ 91 bilhões para compensar a depreciação dos ativos atuais. No ano passado, no entanto, o investimento anual em infraestrutura foi de R$ 87 bilhões.

Porém, na avaliação da CNI, a escassez de recursos não é o único motivo da proliferação de obras atrasadas. “Claro que a crise fiscal dificultou a execução de muitas obras, tanto por parte do governo quanto por parte das empresas. Mas a causa de boa parte desse atraso é a parte técnica. Dessas 2,7 mil obras, 1.231 estão paradas por problemas técnicos”, revelou a especialista em infraestrutura da CNI, Ilana Ferreira. Ela explicou que a falta de recursos normalmente afeta obras menores, como as de saneamento.

Já as grandes obras de infraestrutura ainda sofrem o bônus da falta de planejamento técnico. “O setor de infraestrutura precisa de um planejamento de longo prazo. Porém, há uma incompatibilidade entre o prazo necessário para este planejamento e o calendário político no Brasil. A implementação da Transposição do Rio São Francisco, por exemplo, foi uma decisão política. A obra começou com um projeto básico e desatualizado por conta disso. A Transnordestina sofreu do mesmo mal. Neste caso, a obra corria na medida em que os estudos ficavam prontos. Isso não faz o menor sentido”, revelou Ilana, atribuindo a esta falta de planejamento os atrasos registrados nestes e em outros empreendimentos do País. No Nordeste, por exemplo, 99 das 191 obras paralisadas foram afetadas por problemas técnicos. Problemas financeiros foram o motivo da paralisação de apenas 14 projetos na região.

Por conta disso, a CNI enviou esse estudo para todos os candidatos que vão concorrer à Presidência da República neste ano. “O próximo presidente precisa avaliar a situação desses projetos. Afinal, quando uma obra para, a estrutura se deprecia e precisa ser refeita. Então, antes de gastar mais dinheiro, é preciso estudar se faz sentido retomar esta obra. A Transnordestina, por exemplo, precisa de uma avaliação profunda, já que o custo necessário para a conclusão do projeto é alto”, argumentou Ilana.

Procurado pela reportagem, o Ministério dos Transportes afirmou que este estudo já sendo realizado junto ao Tribunal de Contas da União (TCU). O presidente da Associação Nordestina de Logística (Anelog), Fernando Trigueiro, defendeu, por sua vez, o término da ferrovia. “Como os dados da CNI mostram, o Nordeste é sempre o primo pobre da história, com maior número de obras paradas. Mas o prejuízo disso é fatal. A região estaria muito mais desenvolvida se essas obras estivessem concluídas. A Transnordestina, por exemplo, pode ser nossa redenção. Afinal, somos muito dependentes das rodovias e a ferrovia poderia reduzir os custos e facilitar o escoamento da produção regional. O projeto ainda atrairia desenvolvimento para as cidades que ficam ao longo dos trilhos”, reclamou Trigueiro.

Share Button

PE: NÚMERO DE HOMICÍDIOS CAI EM JUNHO DE 2018, DIZ SDS

Por: Da Folha de Pernambuco

Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) voltaram a cair em junho de 2018, de acordo com a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS). Os dados divulgados apontaram, ainda, que, de 184 cidades pernambucanas, 96 e Fernando de Noronha não registraram assassinatos. São sete meses consecutivos de redução em relação aos mesmos períodos do ano anterior. Com isso, o acumulado do 1º semestre deste ano teve redução de 21% em relação em relação a 2017.

Ainda segundo a SDS, a sequência de sete quedas mensais consecutivas começou em dezembro de 2017, com 394 homicídios contra 472 em dezembro de 2016, e continuou até o mês passado, quando foram registradas 335 mortes em junho de 2018, uma queda de 12% no comparativo a junho de 2017.

Por meio de nota, o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, alegou que é possível reduzir ainda mais os números. “Podemos chegar a patamares menores, uma vez que ainda estamos consolidando e ampliando a atuação de unidades recém-inauguradas pela Polícia Militar, a exemplo do 2º Biesp (Petrolina) e das companhias independentes da PM em Lajedo, Tamandaré e Araripina”, disse, em nota.

Os dados apontam ainda que nos primeiros seis meses deste ano, Pernambuco deixou de ter 596 ocorrências de homicídios. “Somente em junho, 191 homicidas foram capturados pelas polícias do Estado”, acrescentou o secretário. No dia 21 de junho, não houve nenhum homicídio em toda Grande Recife. O CVLI zero também se verificou em dez outras datas do mês nas 61 cidades do Sertão.

Share Button

ONDA DA MUDANÇA CHEGA AO SERTÃO E UNE FORÇAS POLÍTICAS EM TORNO DE ARMANDO E MENDONÇA

A onda da mudança chegou ao Sertão do São Francisco. Em passagem por Lagoa Grande e Santa Maria da Boa Vista, na sexta-feira (12), os pré-candidatos da frente “Pernambuco Vai Mudar” Armando Monteiro (PTB) e Mendonça Filho (DEM) receberam apoios de adversários nos planos locais, mas que se somam ao projeto estadual liderado pelo petebista. No giro, Armando e Mendonça foram recebidos por Jorge Garziera e na sequência por Robson Amorim (PSB) e Dhony Amorim (PSB). Os três são ex-prefeitos de Lagoa Grande. Em Santa Maria, o prefeito Humberto Mendes (PTB) endossou o palanque do PTB, assim como o ex-prefeito Jetro Gomes (PRTB). A comitiva foi acompanhada pelo senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), o deputado federal Fernando Filho (DEM), o deputado estadual Augusto César (PTB), o pré-candidato à Assembleia Antônio Coelho (DEM) e outras lideranças.

Em Lagoa Grande, após visitar a Fazenda Garibaldi e apresentar a vinícola aos pré-candidatos, o ex-prefeito Jorge Garziera declarou apoio a Armando e Mendonça, assim como a ex-prefeita Rose Garziera. “O Estado precisa cuidar de Pernambuco fora dele. Investimentos, recursos e grandes inteligências estão fora daqui e temos que ter alguém capaz de atraí-los. Eu vejo que Armando é o nome preparado para esse desafio”, argumentou. O ex-prefeito Robson Amorim destacou que o Estado vem amargando índices lamentáveis na saúde, segurança, infraestrutura e geração de empregos. “Estamos aqui para dar o pontapé nessa caminhada, que está se fortalecendo. Vamos ganhar essa eleição. Sou do PSB, mas estou aqui porque acredito nesse projeto”, afirmou. “Pernambuco precisa dar uma alavancada. Armando vai fazer as obras necessárias e devolver a alegria ao povo”, acrescentou Dhony Amorim.

Já em Santa Maria da Boa Vista, o prefeito Humberto Mendes ressaltou que a pré-candidatura de Armando tem crescido e conquistado cada vez mais adeptos em todas as regiões. “A gente espera que mais prefeitos venham aderir a essa pré-candidatura. A gente vai conversar com os prefeitos da região, amigos nossos, para que a gente possa somar todos numa candidatura positiva para Pernambuco”, assegurou. O ex-prefeito Jetro Gomes (PRTB) realçou a admiração que tem pelo pré-candidato do PTB. “Armando é uma pessoa que vem mostrando ao Brasil sua competência. Pernambuco precisa de um homem de coragem como ele é”.

UNIÃO – Armando Monteiro enfatizou que o momento é de unir a população e as forças políticas em torno de um novo projeto para Pernambuco. “Nós todos temos que nos juntar para construir esse novo tempo. Uma nova agenda, um novo caminho. Estamos percorrendo todas as regiões, ouvindo as pessoas e recebendo contribuições e sugestões. Vamos fazer um programa que incorpore as demandas e reflita os anseios dos pernambucanas”.

Para Mendonça Filho, por onde se caminha em Pernambuco o sentimento presente na população é de muita tristeza e decepção com a atual gestão. “Falta segurança, falta saúde, falta infraestrutura, falta educação. Não é qualquer um que vai dizer que vai mudar Pernambuco, isso não é aventura, não dá pra fazer experiência. Temos que ter alguém que coloque a casa em ordem, alguém com responsabilidade e que assuma esse compromisso. Por isso acredito em Armando”, defendeu o pré-candidato.

O senador Fernando Bezerra Coelho disse que é tempo reunir a tropa toda, animar os trabalhadores, comerciantes e vários segmentos da sociedade para vencer a eleição. “Não tenho dúvida de que Armando vai ganhar em muitos municípios. As lideranças locais, mesmo em campos opostos, vão se unir porque sabem que Pernambuco está no rumo errado. Não basta unir os palanques, temos que unir o povo, como já dizia o ex-governador Miguel Arraes. E estamos fazendo isso”, concluiu.

Fotos: Ivaldo Régis/Divulgação

Share Button

PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA DIZ QUE MORO CONDUZ PROCESSO CONTRA LULA COM IMPARCIALIDADE

A Procuradoria-Geral da República (PGR) enviou parecer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) se manifestando contra o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que o juiz federal Sérgio Moro seja considerado suspeito para julgar a ação penal relacionada ao sítio da Atibaia. Para a PGR, o juiz tem sido imparcial em todo o processo.

No parecer, a PGR afirmou que todas as teses de nulidade apresentadas pela defesa do ex-presidente já foram julgadas improcedentes pelas instâncias inferiores da Justiça e mostram mero inconformismo com as decisões de Moro. “Assim, inviável a declaração de nulidade de todos os atos praticados no curso da ação penal processada e julgada pelo Juízo Criminal Federal de Curitiba, que se manteve imparcial durante toda a marcha processual”, afirmou a procuradoria.

Na ação penal, que é presidida por Moro, na 13ª Vara Federal em Curitiba, Lula é acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) de receber como vantagens indevidas reformas realizadas no Sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), frequentado pela família do ex-presidente.

No laudo elaborado pela Polícia Federal, em 2016, sobre o sítio de Atibaia, os peritos citam as obras que foram realizadas, entre elas a de uma cozinha avaliada em R$ 252 mil. A estimativa é de que tenha sido gasto um valor de cerca de R$ 1,7 milhão, somando a compra do sítio (R$ 1,1 milhão) e a reforma (R$ 544,8 mil).

A defesa de Lula sustenta que o ex-presidente não é proprietário do sítio. (ABr)

Share Button

JUSTIÇA FEDERAL DO RN CONCEDE LIBERDADE AO EX-MINISTRO HENRIQUE ALVES

O juiz Francisco Eduardo Guimarães Farias, da 14ª Vara Federal de Natal, no Rio Grande do Norte, concedeu liberdade ao ex-ministro Henrique Eduardo Alves, na noite desta quinta (12). O ex-ministro estava cumprindo decisão domiciliar no âmbito da Operação Manus, que investiga desvio de recursos na construção da Arena das Dunas, em Natal.

A Justiça do Distrito Federal já havia concedido liberdade a Henrique Eduardo Alves no processo da Operação Sépsis, desdobramento da Lava Jato, que investiga um suposto esquema de propinas envolvendo financiamentos do Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS), administrado pela Caixa. O ex-ministro ficou preso na âmbito desta operação de junho do ano passado até maio deste ano.

Nesta segunda (9), Henrique Eduardo Alves prestou depoimento no processo da Operação Manus, em que negou à Justiça todas as acusações e alegou que o Ministério Público Federal (MPF) “agiu por desinformação”.

Nesta sexta (13), o deputado cassado Eduardo Cunha — que também foi preso no âmbito da Operação Sépsis — presta depoimento, por videoconferência, também no processo da operação Manus.

Share Button

FRANCISCO EDIVALDO ASSUME INTERINAMENTE A PRESIDÊNCIA DA CÂMARA DE ARARIPINA

Na manhã desta sexta-feira (13) cumprindo o processo administrativo o vereador Evilásio Mateus, que está interinamente como prefeito de Araripina, fez a transmissão do cargo de presidente da Câmara de vereadores para o vice-presidente da Casa Joaquim Pereira Lima, Francisco Edivaldo.

As mudanças ocorreram devido a uma viajem do prefeito Raimundo Pimentel e do vice-prefeito Bringel Filho, que estarão entre os dia 12 e 20 de julho na cidade de Santo Tirso, em Portugal de participando do programa de Cooperação Internacional promovido e custeado exclusivamente pela União Europeia. O objetivo do programa é promover o intercâmbio entre as duas cidades em projetos de desenvolvimento urbano.

Assessoria de Imprensa/Foto: Reprodução

 

Share Button

NOTA DE PESAR – SOBRE HOMICÍDIO DO ADVOGADO ANDRÉ AMBRÓSIO RIBEIRO PESSOA

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Pernambuco lamenta o falecimento do advogado André Ambrósio Ribeiro Pessoa, executado a tiros nesta quinta-feira (12.07), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A OAB-PE informa que a Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas (CDAP) e a OAB Caruaru estão acompanhando o caso e permanecerá atenta ao desdobramento das investigações.

A OAB-PE espera a apuração dos fatos e o cumprimento da lei com a devida punição da autoria do crime.

Share Button

ROTA DO MAR PRORROGA QUARTA EDIÇÃO DA SEMANA MALUCA ATÉ O DIA 21

Marca oferece descontos de até 70% dos produtos

Dado o sucesso da quarta edição da Semana Maluca, a Rota do Mar, maior indústria de confecções de Pernambuco, vai prorrogar seu período de liquidação até o dia 21 deste mês. A megaloja da marca, situada em Santa Cruz do Capibaribe, oferece descontos de até 70%. Peças masculinas e femininas de todas as linhas da marca (surf, street e sportwear, proteção solar e acessórios), incluindo as da última coleção de Inverno, estarão em promoção e serão vendidas a partir de R$ 9,99. As outras lojas que ficam localizadas no Rota do Mar Complex, em Santa Cruz do Capibaribe, como a AB&C Moda Infantil, Medida Certa, Ekwos e Camboriu, assim como o Restaurante do Pelé, também participam da semana promocional.

 

Share Button

ARMANDO FIRMA COMPROMISSO DE MUDANÇA COM LITORAL NORTE

O pré-candidato a governador pela frente “Pernambuco Vai Mudar”, Armando Monteiro (PTB), firmou, na noite desta quinta-feira (12), compromisso com o Litoral Norte do Estado. “Temos que devolver à região o muito que ela nos deu. O Litoral e a Mata Norte terão em mim um governador parceiro”, afirmou Armando, em evento de lançamento da pré-candidatura à Assembleia Legislativa do empresário Miguel Ricardo (PTB), em uma casa de eventos no município de Igarassu, na área norte da Região Metropolitana.

 

“Nós precisamos exercitar de forma construtiva o nosso papel de cidadão por meio do voto. Um voto muda a vida de nossa população”, ilustrou o pré-candidato, ao lado do prefeito Mário Ricardo (PTB) e dos deputados federais Mendonça Filho, pré-candidato ao Senado pelo DEM, Jorge Corte Real (PTB) e Daniel Coelho (PPS), além de lideranças políticas de municípios como Igarassu, Paulista, Abreu e Lima, Itamaracá, Itapissuma, Olinda, Goiana e São Lourenço da Mata, entre outros. “O voto no atual governador, por exemplo, não foi um voto para frente. Foi um voto para trás. O Estado não parou porque o nosso povo é guerreiro, lutador e não se deixou abater”, reforçou.

 

Armando ainda afirmou que está entusiasmado com a pré-campanha e que eventos como o de Igarassu têm sido cada vez mais constantes. “Essa energia está nos entusiasmando cada vez mais. Esse projeto não é de Armando ou dos oito partidos que integram a nossa frente. É de todo o povo de Pernambuco”, arrematou.

 

O pré-candidato Mendonça Filho não poupou críticas ao atual governo de Pernambuco. “O Estado perdeu o rumo, o caminho, está sem comando. Pernambuco está marcando passo em qualquer área que analisarmos. Tomo como exemplo a PE-15, que está maltratada e mal-cuidada”, exemplificou.

 

MAIS COMPROMISSOS – Nesta sexta-feira (13), os pré-candidatos da frente Pernambuco Vai Mudar estarão no Sertão do São Francisco, em agendas que incluem as cidades de Petrolina, Lagoa Grande e Santa Maria da Boa Vista.

 

Foto: Leo Caldas/Divulgação

Share Button

CENTRO NORDESTINO DE MEDICINA POPULAR TRAZ PARA IPUBI O PROJETO MULHERES DOULAS

O Centro Nordestino de Medicina Popular – CNMP trouxe nesta terça-feira (10) para Ipubi a terceira Ação Cultural Pública do projeto “Mulheres Doulas: Articulando vidas para redução da morbilidade e mortalidade materna”. A proposta que oferece apoio e cuidado entre as mulheres antes, durante e depois do parto, contou com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde e do Programa Canto Mãe Coruja.

Doulas são mulheres que, sendo treinadas para isto, proporcionam um suporte físico e emocional para as gestantes. O trabalho de doula é realizado antes, durante e depois do parto. Elas oferecem suporte e muitas vezes até incentivando as mulheres sobre a importância do parto normal, que muitas vezes causa medo nas gestantes. A doula também auxilia a família como um todo, orientando sobre o que se espera no pós-parto.

Segundo Cláudia Xenofonte, Educadora do Centro Nordestino de Medicina Popular, várias atividades foram realizadas com as gestantes presentes, como orientações, exercícios e oficinas de arte gestacional. “O projeto destacou a importância da atuação das dulas na vida das gestantes, do bebê e da família”, pontuou Cláudia.

Da Assessoria de Comunicação
Foto: Reprodução | Facebook

Share Button

OBRAS DA QUADRA POLIESPORTIVA DO DISTRITO DE SERRA BRANCA ENTRAM PARA A FASE FINAL

A Prefeitura de Ipubi por meio da Secretaria Municipal de Obras e Urbanismo intensificou as obras de construção da Quadra Poliesportiva da Escola Municipal Francisco de Carneiro de Andrade, no distrito de Serra Branca. A obra já está recebendo a estrutura para a cobertura e está prevista para ser finalizada até agosto.

Nas redes sociais, o Prefeito Chico Siqueira comemorou o andamento acelerado das obras. “A equipe da Secretaria Municipal de Obras e Urbanismo acelerou as obras de construção da Quadra Poliesportiva da Escola Municipal Francisco Carneiro de Andrade, em Serra Branca, e hoje já está na fase da cobertura. Os trabalhos avançam e no segundo semestre entregaremos mais esta importante conquista.

O novo espaço será fundamental para a prática de esportes e realização de eventos culturais tanto para a Escola Francisco Carneiro como para a comunidade de Serra Branca. “Assim como prometemos, estamos cumprindo e entregaremos em tempo hábil mais esta importante conquista”, comentou o Prefeito Chico Siqueira.

Share Button